website page counter
Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos adultos » Contos eróticos de corno » Dividindo a esposa pela primeira vez

Dividindo a esposa pela primeira vez

Publicado em novembro 24, 2022 por Casal deixa rolar

Bom dia !
tentarei ser breve !

sou casado com uma loira linda 34 anos , ama academia uma delícia , temos filhos então é por isso nossa vida sexual diminuiu , o que me fez assistir bastante pornô que me deu uma certa vontade em dividi-lá , coisa que ela nunca se quer pensou e ficava brava quando mencionava.

 

pois bem alguns dias atrás fomos nós dois para praia de Maceió , curtir sem os filhos , chegando lá praia linda minha esposa Fernanda uma delícia de biquíni um pouco mais ousado , no primeiro dia conhecemos Carlos , cara super gente boa alto magro e boa pinta , estava lá a trabalho e como era dia de semana não tinha muita gente na pousada o q fez a gente pegar uma certa amizade .

percebi alguns olhares da minha esposa e era retribuído por Carlos o q me deixou excitado, a noite transamos como a tempo não fazíamos.

no segundo dia de praia olha quem encontramos, Carlos  estava eu em uma mesa da pousada na praia, minha esposa na água e ele sentou .

conversou um pouco comigo , minha esposa veio em nossa direção quando olhei para Carlos ele não disfarçava olhava  com um fervor .

resolvi arriscar e falei :

ela é gostosa né ?
Ele respondeu:

com todo o respeito cara ela é maravilhosa, linda .

Eu : tem que ver ela pelada

ele : posso ? Brincadeira

nós rimos e começamos a beber .

ficamos umas 2 horas bebendo e batendo papo nós três e percebi um papo mais intenção entre os dois , meu pau doía  de tão duro ia na água deixava os dois a sós é quando voltava era só sorrisos.
nisso minha esposa foi na água e Carlos falou:

cara , sério sua esposa e muito gostosa que bunda linda.

eu : ela tá bem excitada da pra ver

ele : serio , adoraría e pausou.

Resolvi arriscar .

eu cara vamos fazer uma brincadeira?

ele : vamos o que ?

Eu : vamos pra água é quando tivermos lá bate papo com ela encosta a mão nas costas e desce até a bunda vamos ver a reação dela?

ele : cara sério isso eu topo em ?
meu : então bora . E fomos .

chegamos lá batendo papo dentro d’água a praia bem vazia , ele foi lá conversou mais próximo dela , encostou as mãos em suas costas e desceu a mão até sua bunda e tirou , minha esposa deu um pulo olhou pra mim assustada mas não disse nada , eu fingi que não vi .

alguns minutos depois Carlos fez a mesma coisa mas ágora deixou a mão alguns segundos, minha esposa me olhou eu disfarcei e ela nada fez .
na terceira vez ele apertou, e encostou seu pau nas suas coxas , minha esposa suspirou por alguns segundos e foi até mim e me deu um beijão e disse q era melhor sair para comer alguma coisa e descansar pois a noite queria dançar , falei pra ela ir indo .

Quando ela saiu Carlos :

cara que delícia olha como tá meu pau e colocou pra fora tinha uns 16 cm mas grosso .

eu : olha eu então é coloquei pra fora o meu é bem grande 19 cm .

carlos :caralho mano fiquei doido pra comer ela .

eu : faz assim me dá seu celular , quando chegarmos na balada te mando a localização e vc cola lá quem sabe a noite .

peguei minhas coisas e fui para o quarto, ela já estava no chuveiro me chamou , entrei e ela sem falar nada começou a me chupar , chupou por alguns minutos e gozei em sua cara .

eu : o que despertou isso amor?

ela : nada tô excitada de mais

eu : pq ? Foi nosso amigo ? Ele deu umas encoxadas em vc em ?
Ela: aí amor . Ele estava bebado só pode , doido .

eu : vc gostou vai

ela : riu me deu um beijo e saiu do banho sem dizer nada .

A noite comemos não vimos nosso amigo voltamos para o quarto e ela começou a se arrumar , colocou um vestido folgadinho mais curto sem sutiã, encostei no ouvido e falei:

duvido vc ir sem calcinha .

ela : vc e doido quando dançar vai mostrar tudo

eu : vai ninguém conhece a gente aqui olha como fico só de imaginar e mostrei meu pau .

ela riu e disse : vc tá muito safado hj depois não vai se arrepender e tirou a calcinha estava uma delícia

fomos pra balada , chegando lá mandei a localização para nosso amigo .

ele : cara sério mesmo isso vai deixar ?
meu : vem e deixa rolar

passou quase uma hora minha esposa bebendo dançando estava muito sexy , chegou nosso amigo acenou pra gente minha esposa olhou pra mim meio surpresa , eu ri .

comecamos a dançar eu com ela ela com ele bebendo , quando minha esposa chegou no meu ouvido e disse :

amor , seu amigo aqui não para de me cantar , passou a mão na minha bunda e disse que eu era gostosa.

eu : ele não mentiu vc e mesmo.

ela : amor vc tá indo longe de mais depois não reclama.

virou as costas pra mim e encostou a bunda na minha rola e rebolando .

carlos mais ousado , talvez pela bebida foi chegando perto da minha esposa encostou rosto com rosto, minha esposa apertou minha coxa ele segurou na sua cintura desceu a mão até a sua buceta qndo percebeu q estava sem calcinha ele me olhou com olhos arregalados minha esposa tirou sua mão virou pra mim esperando uma reação eu : ela é gostosa né Carlão ?

ele : cara do céu como vc da conta ?

eu : e amigo acho q hj quero ajuda

ela me deu um tapinha no ombro riu e falou : vcs dois estão muito safado não acham ?

eu : vc não tá ?

ela : besta

ele : tá fugindo não dá conta de dois não ?

ela olhou pra mim e disse : quem sabe só testando .

meu coração quase saiu pela boca .

ficamos nessa a noite toda até a hora de voltarmos para pousada .

carlos : cara tô sem carro me dá uma carona

eu lógico entra aí . Chegamos na pousada falei : bora saideira tenho wisk no quarto

ele : bora ?

ela : amorrrrr tá querendo o q ?

eu : beber amor

entramos no quarto , começamos a beber colocamos uma música baixinho começamos a fala e coisas sem sentido até q Carlos puxa minha esposa e começa a dançar ela sempre me olhando quando ele  segura na sua bunda e vai subindo o vestido ela me olhando  eu sentado na cama começo a pegar no meu pau por cima da calça ela se solta dele vem pra mim ainda com a bunda a mostra pega no meu pau me dá um beijo e fala : amor tem certeza?
carlos nem deixa eu responde se ajoelha e começa a chupar ela q estava de 4 me beijando , ela começou a gemer , tirou meu pau pra fora e começou q chupar ficamos assim por alguns minutos quando ela pediu pra eu deitar na cama e começou a pular , Carlos ficou em pé e deu o pau pra ela , ela segurou me olhou eu disse chupa amor chupa , ela começou a chupar como nunca havia feito comigo batia na cara chupava a cabeça e dizia , era isso q vc queria ser corno né ?
Eu : era amor chupa bem gostoso , ela parou me deu um beijão e voltou a chupar . Carlos colocou a camisinha puxou ela de 4 e começou a comer ela gritava gemia e pedia pra mete , mete mais forte na puta do corno ele queria ser corno agora vai ser , rebolava como nunca Carlos parou um pouco e disse vai vc agora se não vou gozar nisso comecei a bombar ela de 4 e Carlos fez algo estranho ficou em baixo dela começou a chupar a buceta dela com meu pau dentro e ela chupando o pau dele , eu tirei o pau ele deu uma cuspida na cabeça segurou e encostou no cu dela , ela sentindo foi rebolando e forçando contra meu pau , e foi entrando devagar , ela rebolando e Carlos chupando sua buceta , quando passou as cabeça , ela deu um suspiro , parou um pouco e empurrou mais até entrar tudo quando entrou ela ficou parada se acostumando Carlos chupando sua buceta e ela voltou a rebolar e pediu , me come corno vai fodi sua puta , nunca vi ela assim , comecei a meter forte , senti uma coisa molhada nas bolas quando percebi Carlos estava chupando minhas bolas , lambeu meu cu e eu deixei ficamos assim por um tempo , Carlos , saiu de baixo deitou  mandou ela sentar ela sentou e começou a rebolar e gemendo eu lambi o cuzinho dela  e fui enfiando o pau no cu dela fazendo uma dp dei algumas bombadas , e ela começou a tremer gozando , Carlos tirou o pau de dentro encostou o pau em seus peitos e gozou nos seios dela eu ainda não tinha gozado coloquei ela pra chupar , Carlos veio com ela e começou a me chupar tb , os dois me chupando não aguentei e gozei na boca deles , deitamos mortos de cansados e acabamos dormindo .
no dia seguinte , bem isso é outra história.

4717 views

Contos Eróticos relacionados

DEI A BUNDA A UMD E MEUS AMANTES, NA BANHEIRA, NA FRENTE DO CORNO MANSO

MInha grande vontade de fazer anal dentro de uma banheira, na frente do corno manso e com um amigo dotado foi finalmente realizada e estou feliz demais. O corno mandou instalar essa banheira em nosso...

LER CONTO

CHURRASCO, BUNDA, CORNO E MUITOS ANAL COM AMANTES

Bom dia a todos os amigos. Fiquei feliz e excitada em ver que tem um casal liberal que também tem chalé aqui em Gravatá, interior de Pernambuco. Aqui estou na churrasqueira de nosso chalé, que...

LER CONTO

Esposinha salvando o emprego do marido

Algo extremamente inolvidável está acontecendo com Lúcia. Já ouvira falar de sexo anal, de dar o cuzinho e outros termos, porém nunca fora induzida a experimentar por Valter e agora, alí, nas...

LER CONTO

Minha esposa e meu amigo planejaram uma suruba, Shika uma Ninfo

Olá, Me chamo Carlos tenho 30 anos 1,81 e 85KG corpo definido pois malho, e minha esposa Shika tem 27 anos 1,67 e 59kg uma bunda bem durinha por conta da academia e peitos naturais de tamanho médio....

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 4 = ?
ContosAdultos.Club - O seu site de Contos Eróticos
Se você gosta de ler contos eróticos ou contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.
© 2022 - Contos adultos