website page counter
Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos adultos » Contos de fetiche » Pedrinho da Internet

Pedrinho da Internet

Publicado em março 4, 2022 por Carolina SA

Conheci o Pedrinho pela internet.
Eu sei que vai pensar, toma cuidado garota. E eu tomei. Encontrei ele num shopping. Ele é 10 anos mais velho. Muito bonito.
Ele me levou na casa dele no primeiro encontro.
Era grande.
Era bonita,

A gente se beijou na sala, comigo sentada no colo dele, gosto de sentir o pau crescendo enquanto beijo, passo a mão no cabelo e seguro pelo pescoço.
Não, não gosto de ser dominadora. Gosto que me dominem
Minutos depois já estava pelada.
E eu lembrei que tinham semanas que eu não falava com o Matheus. Ele deslizou a linha da minha boca e me subiu na ponta do sofá, colocando a minha bct na cara dele. Eu literalmente sentei na cara dele.
Gostoso.
O pau dele estava tão duro. Que ele dava umas levantadinhas de leve. Eu virei e começei a chupar ele meio de ponta cabeça. O meu peso me empurrava contra o pau dele. O que me fazia engasgar as vezes. Eu gostava do barulhinho. Percebi que ele tbm. Dai eu forçava mais algumas vezes.
O pau dele babava muito.
Babão.

Sentia o gostinho dele, docinho.
Então, eu virei e coloquei o pau dele na minha bct. Entrou todinho.
Uns 15/16cm.
Bem lisinho. Deve ter tirado a laser.
Beijei a boca dele.
Rebolei devagarinho.
Ele começou a meter debaixo pra cima.
Errou meu nome.

No fundo eu vi um quadro dele com uma mulher, deve ser mãe dele.
Olhei nos olhos dele.
A mão dele deslizando nas minhas costas.
Põe no meu cuzinho?
Ele parou. Pareceu assustado. Me olhou. Beijou meu peito. Me deitou de franguinho. Lambeu minha bctinha. Mordeu meu bumbum. Lambeu meu cuzinho. Colocou dois dedos dentro dele.
Me arrepiei.
Gemi.

Ele empurrou no meu cuzinho.
Não senti dor.
Tinha relaxado muito.
Mas, o pau dele não era dos meiores tbm.
Que apertado. Puta que pario!
Eu sorri.

Ele começou a meter. Até gozar. Fundo.
Ele usava camisinha.
Quando terminei de me trocar pra ir embora ele falou que fazia tempo que não comia um cuzinho. Perguntou se eu gostava. Falei que era apaixonada. Ele riu. E me pediu em namoro. Falei que não. hahaha
Saí de lá.
Ah eu fiz a cartelinha dos tamanhos

Veja outros contos de Contos de fetiche e bem gostosos logo abaixo:

Esposa do meu avô

Barbaries - relatos de guerra

7135 views

Contos Eróticos relacionados

Tirando a virgindade da minha tia e futura mulher – Parte II

Deitado e com ela no meu peito, me sentia um homem e por mais que eu me relutasse, eu ainda lembrava da fala do meu pai... e mãe... que a tia não tinha ficado com nenhum homem por conta do seu...

LER CONTO

Uma surpresa de fim de semana

1   Ele sabia, eu tinha certeza. Ele sabia do que eu gostava. E sabia que eu sabia que ele sabia.   2 Era festa de Carnaval, última antes da pandemia. Minha família e a...

LER CONTO

Transei com uma fantasma

Eu não sei exatamente o que pode ter acontecido que iniciou isso. Pode ter sido qualquer coisa, talvez eu tenha tocado em algum objeto da morta, ou passado por onde ela vivia ou tinha morrido, eu...

LER CONTO

Fantasia da minha esposa para fazer dogging

Fantasia da Minha Esposa para fazer dogging   Tudo começou quando eu levei minha esposa em um mirante em nossa cidade e durante o nosso sexo no carro percebemos que tinha um voyeur que...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 4 + 4 = ?
ContosAdultos.Club - O seu site de Contos Eróticos
Se você gosta de ler contos eróticos ou contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.
© 2023 - Contos adultos