Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos adultos » Contos eróticos picantes » Trai meu marido com um gostoso negão no condomínio – 4º Capítulo

Trai meu marido com um gostoso negão no condomínio – 4º Capítulo

Publicado em junho 21, 2022 por CARLOS A. LYRA

Trai meu marido com um gostoso negão no condomínio – 4º Capítulo

C. Carlyle Lyra

– . . . – Introdução – 4º Capítulo –

Continua depois da publicidade
 

– . . . – Depois das declarações do Fernando e do Eduardo, o meu chão desabou e os muros desmoronaram de forma impressionante. … Apesar de ser uma psicóloga clínica, voltada para área de R. H. essas declarações me abalaram. …

– . . . – O Eduardo sempre atencioso, educado, carinhoso e muito meigo. … Mas sentia nele um certo comportamento realmente meio afeminado. … Relevei. … Ele me pirocava, mas não uma pirocada, digamos, selvagem. … Ele era muito educado ao me ‘comer’. … Não tinha volúpia de homem. … Mensagens desbocadas. … Não era da índole dele. … Eu relevava tudo isso, já que fora eu era pirocada com muito desejo e vorazmente. …

Continua depois da publicidade
 

– . . . – Estava me preparando para dormir, eram 22:45 horas e o interfone toca. … Pensei!!! Será o Eduardo querendo voltar. … Mas eram só pensamentos. … Fui atender e a Portaria informa que tem um homem querendo falar comigo, mas não se identificou. Eu perguntei como era essa pessoa e eles disseram que era um negro alto, bem apessoado e uniforme de militar. …

– . . . –  Eu mandei entrar e só podia ser o Fernando. … Pensei!!! Mas a essa hora da noite. … Estava de camisola e coloquei o meu filho no quarto dele já que ele iria dormir comigo. … Tirei a calcinha, já estava sem sutiã, mesmo e fiquei na entrada da porta aguardando-o. …

– . . . – Ele estaciona o carro dele na vaga de visitantes dentro do condomínio, abre o porta-malas e me trás um buque de flores e eu fico admirada. … Pensei!!! Caramba. … E se o Eduardo estivesse em casa como seria a reação dele. … Perguntei: … ‘Meu Amor’!!! Você a estas horas aqui, e ainda fardado, Amor. …

Ele. … Te incomodo!!! …

Eu disse: ‘Não, Meu Amor!. … Claro que não. … Nós beijamos e mandei ele entrar. … Afinal, ele já é meu mesmo. … Fomos para sala e o Eduardo Jr. Já estava dormindo pois teria escola bem cedo. …

– . . . – Ficamos conversando e eu agarrada a ele e ele fala: …

– . . . – ‘Amor, tenho algo para lhe falar e já eram 00:15 minutos. …

– . . . – Eu disse: … Fale, Amor. …

– . . . – Ele: – – – O seu ex-marido me ligou. …

– . . . – Ela, Lidi. … Mas, ele sabe o seu telefone. …

– . . . – Ele: … Sim, Meu Amor, todos nós temos o telefone celular do pessoal do futebol. …

– . . . – Ela, Lidi. … Ok. Meu Amor. … Mas o que ele falou!!!. …

Ele, Fernando: … Amor, ele disse que você dois não estão mais casados e que agora ele está em outra e que eu estou a sua disposição que poderia me casar contigo. … E contou com quem ele está casado agora. …

– . . . – A sua declaração me pegou de surpresa, não a separação, mas com quem ele está se relacionando.

Ele pede licença e vai até p carro dele e trouxe um buque de flores e me deu e se declarou a mim.

Uma declaração surpreendente. … Mexeu comigo. … Eu disse: Amor, vai lá no quarto e tira essa farda. … Ele voltou ao carro dele e trouxe uma maleta pequena com algumas roupas e me deu muita alegria. …

– . . . – Fomos para o nosso quarto e ele foi calmamente tirando a sua farda e falava com quem o ex-marido dela estava se relacionando e eu fiquei mais admirada ainda. …

– . . . – Falei: … ‘Meu Amor’, ele mentiu para mim. … Então é um dos seus colegas de futebol. …

– . . . – Ele: … Pior que é um dos melhores paraquedistas do quartel. … Tudo bem que seja um sargento, mas do nosso convívio e era um deles que te paquerava muito. …

– . . . – Ela, Lidi. … ‘Amor’, agora essa buceta será só sua. … Não precisarei mais dividir com dois. … Só não serei possuída naqueles quatro dias, não é mesmo. … E fui preparar o jantar do meu maridão gostoso. …

Ele estava muito gostoso no uniforme que tinha trazido de educação física do Exército. … Eu já tinha jantado com o Junior e fiquei sentada no colo dele. …

– . . . – Percebi aquela ‘torah’ dura entre as minhas pernas enquanto ele jatava e falei: … ‘Amor’, agora não precisamos mais esconder a nossa relação e agora você pode me possuir sem medo e sem restrição de marido. … Agora você é o meu marido. … Ele me deu um beijo. … E disse: Eu quero você como minha esposa. … Eu respirei fundo, olhei bem fundo nos olhos dele, como psicóloga que sou e vi que ele me olhava com olhos sinceros e de verdade. …

E falei: … Você quer que eu seja sua esposa de verdade!!!. …

– . . . – Ele: … ‘Amor’, você já se tornou a minha esposa desde o primeiro momento que transamos. …

– . . . – Ele terminou de jantar e ficamos conversando na sala e logo em seguida fomos para o nosso quarto. … Foi uma noite deliciosa. … Fodemos muito e gostosamente. … Ele metia, ora com muito carinho, ora vorazmente e me enterrava e socava aquela pirocaça em minha buceta com muito tesão. …

– . . . – Gozamos até às 02:45 horas da manhã e fomos dormir eu sentindo todo calor dele em mim e dentro de mim. … Eu queria absorver o leite dele todo em mim e assim fiz. …

– . . . – Agora não tínhamos mais medo. … Sabia que teria uma piroca toda noite para encobrir essa buceta sedenta por piroca e era essa piroca que eu desejava todo dia e agora a descoberta foi feita. …

Em tudo ele me realizava e me satisfazia e era muito ativo na cama, no chuveiro, na cozinha, na varanda dos fundos e comigo nas despesas. … Nós dividíamos todas as despesas. …

Ele se tornou um homem maravilhoso para mim, para o Jr. e para nossa casa. … O apto dele era alugado e agora comigo ele não precisaria ter mais essas duas despesas. … Aluguel e condomínio. …

– . . . – Estávamos chegando ao final de semana e ele me faz uma proposta para passarmos o final de semana em Caldas Novas e como não conhecia topei de imediato e na terça-feira era feriado nacional e ele perguntou se na empresa iríamos trabalhar na segunda-feira e eu disse que não. …

– . . . – Ele também não iria e tudo facilitou a nossa vida. …

– . . . – Preparamos tudo na quinta-feira e na sexta-feira à tarde nos fomos para Caldas e lá veio uma surpresa em alto estilo. … Ele já tinha planejado tudo e deixado tudo preparado. … Fomos para um resort onde tem até babá e cuidadora de crianças até os 08 anos.

– . . . – O menino de 4 anos e nós podíamos ficar mais a vontade, namorando e trepando a vontade sem que ninguém nos incomodasse. … O garoto era uma ótima criança. … Muito bem-educado. …

– . . . – Ao chegarmos no hotel fomos bem recebidos e as atendentes muito atenciosas e nos direcionarem para o nosso apto e disseram que já estava todo preparado. … O Gerente nos aguarda dentro da suíte e agradece a nossa visita e nos dá um buque de flores e deseja ao casal uma excelente lua-de-mel. …

– . . . – Eu me espantei. … Lua-de-mel!!!. …

– . . . – Ele, para mim: … ‘Amor’. … Quer casar comigo e me dá duas alianças. … Ele sabia que eu não era casada oficialmente. … Todas as declarações e descobertas dele me foram surpreendentes.

Essa declaração e pedido de casamento foi a mais surpreendente possível. … Olhei para ele. … Uma psicóloga e um oficial do Exército. …

– . . . – Ele olhou para mim fixamente e falou: … Aceita!!!. … Eu peguei a caixa com as alianças, abri e vi gravada os nossos nomes e fui colocando no dedo esquerdo dele e dei a minha mão a ele e direcionei a minha mão esquerda e ele a colocou na minha mão esquerda e disse: … Agora você é a minha esposa. …

– . . . – Era algo inimaginável em minha cabeça. … Eu, uma morena linda, mais para branca. Metida a loira, mas não tinha essa pretensão. … Independente financeiramente. E casada com um negro lindo, … Pauzudo, pirocudo e gostoso. …

– . . . – Aceitei na hora e me lancei no pescoço dele com um gratificante beijo. … Foi uma viagem agradabilíssima e gostosa. … Ao lado de um homem maravilhoso. …

Conclusão Final. … Sacramentamos o nosso casamento legalmente e ele sempre dedicado a mim. … Foi sempre fiel, mesmo em suas longas viagens. … Na maioria eu o acompanhava. … Pedi demissão da empresa e me dedicava a educação dos filhos, dois com ele e o Jr no primeiro relacionamento. E os dois tinham um ótimo relacionamento. … Primeiro por serem flamenguistas e adorarem futebol e ele, Jr, acabou ingressando na AMAN, também. … Orgulho dele. … E as meninas seguiram a minha profissão em que o pai amava e apoiava em tudo. …

– . . . – Ficamos casados por muitos anos. … Até o falecimento dele em um acidente de avião em uma missão na Amazonia. … Eu já estava financeiramente bem. E ele me proporcionava tudo. … Até na cama. … Foi uma perda irreparável e traumática. …

Custei a assimilar a perda. … Agora tocando a minha clínica, viúva. … Sem a necessidade de ser aquela devoradora de piroca como eu era mais jovem. … Continuo gostando de uma linda e gostosa grossa piroca, com certeza tem que ser negra e militar.

Obrigado a todos.

C.  C.  L.

 

 

 

1852 views

Contos relacionados

Conhecendo A Loira Parte 1

Olá Boa Tarde , Estou escrevendo esse conto no dia 28/05/20 às 17:08Hrs !! Antes de tudo começar , Gostaria de dizer a todos vocês que esse conto é totalmente verídico , Tudo que estarei...

LER CONTO

Fantasias Eróticas

Já dentro do quarto do motel mandei ela tira roupa de vagar enquanto eu olhava  ela se - despir e quando ela estava com preta mente nua mandei que  ela virasse de costas e se ajoelhasse , ela...

LER CONTO

Cunhada com problemas para ligar o chuveiro

Esse conto vai ser um pouco longo, mas acredito que vale a pena. É a primeira vez que escrevo algo do tipo, mas sinto a necessidade em contar o que veio a ocorrer comigo e minha cunhada. Para...

LER CONTO

Swing no Caribe – EP 06 – A Primeira noite com outro homem

Episódio 06 - Apesar da ansiedade, o tesão falou mais alto e Sara conseguiu relaxar e aproveitar sua noite com Rafael, que a surpreende com seu comportamento educado e comedido.  Neste episódio,...

LER CONTO

Janaina, Morena Bunduda

Vou fazer um relato de quando eu tinha 21 anos, hoje em dia tenho 30. Na época eu trabalhava com venda externa, abordávamos pessoas nas ruas para vender nosso produto. Sou do Rio de Janeiro,...

LER CONTO

Amiga da minha mulher…

Minha mulher e eu estávamos brigados, ela estava na casa do pai a um tempo, foi quando recebi uma visita inesperada... "Silmara" amiga dela da época de escola. É de mesmo nome... A Sil é linda,...

LER CONTO

Fiz as festas dos garçons

Estoria Real ,Vou para o hotel Chegando lá vou pedir um bebida me arrumar Colocar o salto alto e chamar o garcon seduzir ele Fazer ele passa a mão no meu corpo Na minha bct Me esfregar no...

LER CONTO

Mão amiga

Está precisando de uma mão amiga aí? - Fala e me encara com um olhar descarado e penetrante. Olho pra baixo e me dou conta do volume. Porra. Ela senta ao meu lado, não havia gente por perto....

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 1 + 2 = ?

Se você gosta de ler contos eróticos o contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.

© 2022 - Contos adultos