website page counter
Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos adultos » Contos eróticos de corno » IMPOSSÍVEL RESISTIR. atual. verídico

IMPOSSÍVEL RESISTIR. atual. verídico

Publicado em novembro 4, 2023 por JOÂO LUIZ

Já estou com uma boa idade, (55), casado desde os 28, com a mesma mulher.(Carla Maria).

Então, a mais de 25 anos conheci  CM e me apaixonei pelo sei jeito espontâneo, sua belesa e sua sinceridade. Linda  linda. Logo descobri que ela sempre tinha sido muito disputada entre amigos de turma, todos queriam namorar com ela. A gente morava na mesma cidade, ela havia anos atras mudado pra cidade, eu nascido nela.

Nos conhecemos em uma noite de baile de carnaval no clube, que eu só frequentava mesmo, nas noites da carnaval. Trocamos olhares e acabamos pulando no salão as musicas da época. Naquela noite mesmo, ela aceitou meu convite de acompanhar ela até a casa onde morava, como ela nasceu longe tinha ali um quarto alugado, para poder estudar na cidade, era uma casa de casal de idosos, que a neta deles, era colega na escola onde a CM estudava. Acompanhei até a porta e não podia deixar por menos, abracei para despedir e apertei o corpo dela contra o meu, ela aceitou por alguns segundo, logo empurrando meu corpo, com um sorriso maravilhoso.

A partir daquele dias começamos a namorar, algumas vezes eu ia na porta do colégio, receber ela no final da manhã, outras nos encontrávamos no clube, que era o ponto de encontro de toda turminha dela. Logo ela me contou que depois que mudou pra cidade, tinha tido um namorado da turminha mesmo e que ainda perseguia ela. Eu conhecia ele, era filho de militar, moreno bem moreno alto, um belo rapaz.

Já fazia tres meses, quando depois de muita tentativas, além dos beijos, consegui apalpar os seios enormes duros que ela tinha. No outro final de semana, no sofá, avancei novamente e pra minha alegria, consegui, fazer os seios sair do soutien , levantei a blusa que vestia e conseguia chupar eles, adorei, ela imóvel, respirava fundo a senti que tremia um pouco, espichando as pernas.

E todos os finais de semana no sofá, eu avançava um pouco, foi em um deles, que otra vez, chupando os mamilos, ela paralizada, esperei o momento quando ela espichou as pernas, sem pressa entrei com a mão por debaixo da saia dela, até a calcinha, molhada, senti no toque, ela permaneceu imóvel, com o dedo levantei a calcinha e entrei com o dedo até a bucetinha dela, consegui entrar na bucetinha com a ponta de dedo, então ela segurou minha mão. Naquela noite ao sair, ainda na porta da casa por dentro, abraçados, ele pela primeira vez, escorregou a mão e pegou meu pau por sobre a calça, não perdi tempo, abri o zíper e tirei pra fora, ela rápida, pegou , apertou e começou masturbar, puxei a mão dela e num gesto rápido, virei ela de costas pra mim , deixando ela  apoiada  na parede, levantei a saia que ela vestia e no mesmo gesto baixei a calcinha dela, conseguindo pincelar o pau entre as nádegas dela, procurando a bucetinha dela, quando encontrei, ela colocou a mão pra tras e empurrou meu corpo, “não aqui não”, falou, me segurando com a mão afastado do corpo dela.

Neste instante fui guiado pelo instinto sexual, afastando a mão dela, esfreguei meu pau , desta vez no cuzinho dela e senti que ela, chegou a vir um pouco ao meu encontro. Encostei na porta do cuzinho e forcei, leve devagar, um vai e vem gostoso, ouvia que ela disfarçadamente respirava mais fundo com um silencioso gemido, empurrei então com a intenção de entrar, ele tremeu como se tivesse levado um susto, reclamando que sentiu dor, recuei, lembrei e cuspi na mão, com os dedos passei cuspe no cuzinho dela, senti que contraiu, cuspe na cabeça do meu pau e voltei a acertar a pontaria, outra vez ele veio ao encontro, voltei a pressionar, devagar num ritmo de vai e vem, cada vez forçando mais, até que senti que ela contraiu o corpo, gemeu e a cabeça estava dentro, “tá doendo, tá demais, tira tira, ” , mas eu já estava era pronto pra gozar, e acabei empurrando o que deu, gozei nela a primeira vez e no cuzinho dela, quando o pau já amolecendo saiu fora, senti que escorreu sujeira dela e meu gozo. Usei rápido meu lenço para me limpar e dei a ela, pra usar. Ela puxou rápida a calcinha pra cima, abriu a porta pra mim ir embora. Sai rápido, sem pensar em nada mais………………..

Essa foi minha iniciação com a Carla.

 

A namoro seguiu de boa,suave, mas isso relato depois…..

Leia outros Contos eróticos de corno bem excitantes abaixo:

O marido exemplar III

Minha namorada também deu pro amigo do EX

15283 views

Contos Eróticos relacionados

As taras de Bia – II

Numa mesinha da cafeteria estão Caio, a esposa Bia e Breno, mestre de obra do apartamento que eles estão comprando. - E quanto vai sair essas modificações? - Bem... eu só tenho que perguntar ao...

LER CONTO

DO NAMORO AO CASAMENTO. 1990/92. ( verídico- nomes fictícios )

Casei com 28 anos (1992), antes disso tive algumas namoradas mas casei com a eterna Jussara , amor da minha vida. Uma mulher, linda, doce, carinhosa e que se mostrou uma ótima amante. Já na...

LER CONTO

Corno trabalhando e eu traindo ele com o vizinho

Beleza gente? Meu nome é Andressa, tenho 23 anos, moro no Rio de Janeiro e neste conto intitulado  "corno trabalhando e eu traindo" vou relatar para vocês como é minhas aventuras com o vizinho...

LER CONTO

Será Que Entra Papai?

Será Que Entra Papai?

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Socando Forte Na Aninha

Socando Forte Na Aninha

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Enrabando A Sobinha

Enrabando A Sobinha

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Humilhando corno na suruba História Real

Humilhando o corno na suruba História Real Olá, me chamo Theandra tenho 34 anos, sou loira, corpo bem definido, olhos claros seios médios para grandes, me acho bem atraente . Hoje estou...

LER CONTO

Submetida ao lado do marido dorminhoco

Tínhamos ido a um restaurante comemorar a promoção de Rildo, meu marido. A refeição maravilhosa e leve. Rildo praticamente tomou a garrafa de vinho inteira e depois bebeu mais três doses de...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 2 + 3 = ?
ContosAdultos.Club - O seu site de Contos Eróticos
Se você gosta de ler contos eróticos ou contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.
© 2023 - Contos adultos