Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]

A CAÇADA

Publicado em maio 19, 2020 por elieser de sousa silva

Olá,  sou anny (fictício) vou contar pra voces quando e como eu dei pela primeira vez de verdade, fui literalmente arrombado perdendo meu cabacinho, digo isso porque já aos sete anos eu já dava minha bundinha. A diferença é que os meninos não sabia como penetrar pois tinham a minha idade. Mas aos 15 anos conheci um garoto que morava na minha rua, e por várias vezes me cantava dizendo que eu tinha uma bunda gostosa e que minhas coxas eram grossas e que queria fazer de mim uma menina, me comer e me fazer mulher. Depois dessas cantadas ão consegui resistir, então perguntei pra ele pra onde nós iríamos e ele me convidou pra caçar pássaros, pois morávamos numa cidade do interior com uma grande vegetação e era comum a prática da caça, então aceitei e fomos juntos para o mato e a minha caça foi rôla no rabo e dessa vez não escapei levei aquele pau toda dentro do meu cuzinho. Chegando no local, ele não perdeu tempo e começou me encoxar com o pau duro esfregando em minhas coxas e e falando em meu ouvido que tinha vontade de me comer e esse dia chegou. Na sequência ele foi arriando meu shortinho curto e começou a deslizar seu pau na minha bundinha, chegando a entra da do meu cuzinho, senti muito prazer, uma emoção muito grande, ele também  tinha 15 anos mas seu pau era grande. Então chegou o grande momento, ele me perguntou se eu estava preparada para ser mulher e eu falei que sim e ele me disse que eu seria sua mulher, sua menina pois naquele momento eu perderia meu cabaço. Infelizmente não havia lubrificante, mas com jeitinho ele cuspiu na cabeça do pau e começou a forçar a entrada, senti muita dor mas fiquei feliz quando se pau estava todo dentro de mim e me senti como é bom ser mulher. Depois ele foi embora, eu continuei dando para outros garotos da cidade, mas nunca o esquecerei o grande amor da minha vida.BEIJOS.

9366 views

Contos relacionados

Meu cabeleireiro

Olá! Esse é meu primeiro conto publicado aqui. Tenho 39 anos, sou negro, 1.75 altura, 82kg, coxas grossas, rola 18 x 5, casado, ativo. Quando garoto tive experiências com alguns garotos,...

LER CONTO

Sexo na ponte

Esse é o segundo conto que eu escreve, esse conto foi inspirado no dia que decidi sair de casa para colocar as ideias no lugar. Eu tinha 18 anos, tinha me assumido para os meus pais e houve um...

LER CONTO

Perdi minha virgindade com meu melhor amigo em seu carro

Olá, meu nome é Arthur, tenho 18 anos e o que vou contar agora aconteceu a um pouco mais de dois anos com meu melhor amigo . Em um dos cursos que fazia no meu dia, acabei conhecendo um rapaz...

LER CONTO

O primo leiteiro

Fui criado muito próximo da família, sempre estava visitando as tias e convivia em especial com um primo, Maicon ( nome fantasia ) que era quase 2 anos mais velho. Crescemos juntos e vi ele...

LER CONTO

Gay dando pela primeira vez na vida

Tenho quase 60 anos. O que contarei aconteceu quando eu tinha menos de 40. Eu chamo de gay dando pela primeira vez pois foi quando eu me descobri. Com dores nas costas, procurei uma massagista,...

LER CONTO

O zelador destruidor de cu

Hoje vou contar oque aconteceu comigo essa semana. A clinica onde trabalho está fechada a 15 dias por causa da quarentena e essa semana tive que ir là abrir pra poder o faxineiro fazer a...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 1 + 1 = ?

Se você gosta de ler contos eróticos o contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.

© 2020 - Contos adultos