website page counter
Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos adultos » Contos eróticos verídicos » Sexo a três no trabalho (história real)

Sexo a três no trabalho (história real)

Publicado em junho 17, 2023 por Júlia Rosa

Olá, pessoal!

Hoje quero compartilhar com vocês uma história que aconteceu comigo ontem, dia 28/04/2023, no trabalho. Para minha segurança e das pessoas envolvidas, os nomes foram alterados.

Ontem foi um dia chuvoso aqui no Rio de Janeiro, então eu e minha amiga Larissa não pudemos ir a um restaurante que sempre almoçamos perto do escritório onde trabalho. Por conta disso fomos a um espaço lá mesmo no prédio, onde os seguranças e o pessoal da manutenção geralmente almoça.

Quando chegamos escolhemos uma mesa mais afastada, no canto da sala, porque a gente não sabia se seríamos bem-vindas ali.

Então começamos a comer e a conversar normalmente, era um lugar quente e confortável e logo não nos importamos mais com as pessoas que estavam ali, até que no meio da conversa a Larissa falou que havia dois seguranças olhando pra gente, eles também estavam comendo, de frente pra gente, em uma mesa a mais ou menos 5 metros de distância da nossa.

Um deles era um homem chamado Leandro, um conhecido nosso, de uns 30 anos de idade, moreno, forte, cabelo raspado, com uma barba grande e bem-feita, mais ou menos 1,90 de altura. Ele era nosso conhecido pois geralmente trabalhava no andar do nosso escritório. Acho que ele começou a ficar no nosso andar depois que começaram algumas obras para expandir algumas salas no nosso andar e no andar de baixo, circulavam boatos que algumas pessoas se escondiam nessas salas para fugir do trabalho e até mesmo para “namorar” rsrs.

O outro, chamado Rogério, eu não conhecia, já tinha passado por ele algumas vezes no elevador ao chegar no trabalho, mas nunca nos falamos. Era um rapaz branco, um pouquinho menor que o Leandro, também era forte e tinha o cabelo liso e escuro, sem barba.

A Larissa me chamou atenção e pediu para eu disfarçar e não olhar logo, mas que eles estavam olhando pra gente e rindo. Então continuei comendo e esperei um pouquinho antes de olhar. Então quando olhei eles estavam olhando pra gente e falando algo que eu não consegui entender, e quando perceberam que eu estava olhando sorriram pra mim. Eu abaixei a cabeça com muita vergonha e segurando para não rir também, e ainda de cabeça baixa falei com minha amiga que eles estavam falando da gente.

 

Logo em seguida eles vieram e pediram pra se sentar na nossa mesa. Não podíamos dizer não, afinal não podíamos nem estar ali, e seria bom uma conversa legal naquele momento. Almoçamos juntos e conversamos sobre trabalho, estudos e coisas bobas como futebol e filmes.

Quando estava dando a hora de voltarmos para o trabalho eles pediram nosso telefone e perguntaram se a gente gostaria de marcar algo para o final de semana, minha amiga disse que não podia pois ela e o marido já tinham programado algo pro final de semana, eu disse que por mim tudo bem. O Leandro então pediu pra que eu desse meu telefone na mão dele pra que ele pudesse anotar o número, pra que eu mandasse mensagem depois, e assim eu fiz, ele anotou o numero no meu telefone e eu salvei.

Logo quando descemos do almoço eu mandei uma mensagem pra ele no zap e ele respondeu dizendo que ele e o Rogério tinham gostado muito de conversar com a gente na hora do almoço e que ficaram com vontade de me conhecer melhor, e que queriam continuar conversando comigo.

Eu achei aquilo muito fofo e fiquei lisonjeada, eles eram lindos, muito maneiros e muito educados.

Continuamos conversando pelo telefone e a conversa foi esquentando, até que veio uma proposta deles. Leandro escreveu que eles estavam loucos de tesão e que os dois estavam brigando pra ver quem ficaria comigo.

Eu mostrei a conversa pra minha amiga e ela riu, falou que os dois eram muitos gostosos e que eu era uma mulher de sorte. Quando ela ainda estava falando chegou uma nova mensagem, ele dizia que já que eles não conseguiram decidir, que eles iriam me dividir entre eles, que se eu quisesse os dois estariam prontos para me comer de uma só vez, e que isso podia acontecer ainda naquela tarde, em uma das salas que estavam em obra.

Minha amiga botou o celular na minha mão, botou as mãos na boca e deu uma gargalhada hahaha. Falou que ela sabia que eu tinha esse fetiche e que essa seria a oportunidade perfeita pra eu realizar meu sonho de dar pra dois caras ao mesmo tempo.

Quando peguei o celular, com muita vergonha, chegou outra mensagem, era uma foto do pau deles, os dois duros, grandes e cheios de veias, um de frente pro outro, com a frase “você já usou a boca e a bucetinha ao mesmo tempo?”.

Na hora eu comecei a tremer, mandei mensagem pra uma outra amiga dizendo o que tinha acontecido e ela disse a mesma coisa que a Larissa aqui no trabalho: “Isso não era o que você queria? Então relaxa e aproveita”.

Eu gelei na hora, não conseguia raciocinar, estava com todo o meu corpo tremendo, meu coração estava acelerado. Estava pensando como seria possível que duas amigas minhas tivessem dito praticamente a mesma coisa, não podia ser só uma coincidência, eu devia aproveitar, parar de ter medo e me entregar por completo a essa experiência.

Depois de uns 10 ou 15 minutos pensando, eu decidi pegar meu telefone para responder a ele que eu aceitava, mas ele já tinha mandado outra mensagem que dizia que era pra eu encontrar com o Rogério no andar de baixo às 15:45, que ele iria me levar pra uma sala. Já que aquele era o andar que o Rogério ficava, o Leandro não podia ser visto la, então ele iria nos esperar dentro da sala.

Apenas respondi um simples “Tá :-)”, estava nervosa e ansiosa, definitivamente eu queria que acontecesse, e quanto mais os minutos se passavam, mais eu sentia um frio na barriga, mais eu desejava eles dois, mais ficava excitada.

Quando o relógio marcou 15:45 eu falei com a Larissa que estava indo, ela falou que iria me cobrir, que se alguém perguntasse, ela diria que eu tinha ido ao banheiro. Então peguei meu celular e comecei a descer pela escada, quando abri a porta do andar de baixo, o Rogério já estava la me esperando, ele abriu um sorriso e segurou a porta para eu passar, eu agradeci e ele fechou a porta atrás de mim. Eu estava nervosa, olhando pra baixo e um pouco contida rsrs. Ele botou a mão nas minhas costas e disse que eu estava linda (fofo s2) eu dei um sorriso e agradeci, andamos mais uns 3 metros em silêncio e ele apontou a porta que eu deveria entrar.

Quando botei a mão na maçaneta para abrir a porta ele me abraçou por trás, começou a beijar meu pescoço, passar a mão nos meus seios e no meu bumbum, ele me abraçava forte, eu não conseguia me mexer, enquanto ele estava apertando meus seios com uma mão, botou a outra na minha bucetinha, e senti o pau dele duro atrás de mim. Ele riu e eu perguntei a ele por que ele estava rindo? Ele disse que parecia que eu tinha me esquecido como abrir uma porta rsrs.

Ele continuou me beijando e passando a mão em mim, e fomos andando entrando na sala, quando entramos o Rogério fechou a porta com o pé, e não me soltou, continuava a me acariciar e a beijar meu pescoço e minha orelha (um dos meus pontos fracos rsrs), quando vi, o Leandro estava sentado em uma cadeira, de pernas abertas e com uma mão no pau, por cima da calça. Eu não conseguia parar de olhar pra ele, enquanto o Rogério me acariciava o Leandro olhava pra mim, com olhar de desejo assim como eu olhava pra ele, até que ele levantou e veio na nossa direção, botou a mão no meu queixo e levantou minha cabeça, ele olhou nos meus olhos, segurou minha cabeça com as duas mãos e começou a me beijar.

Eu estava louca de tesão, beijando o Leandro enquanto o Rogério beijava meu pescoço, minha nuca e passava a mão na minha bunda, o Leandro desceu a mão e acariciou meus seios, o Rogério pegou minha mão esquerda que estava no ombro do Leandro e botou pra eu segurar o pau dele, que já estava pra fora da calça, era quente e grosso, eu mal conseguia encostar um dedo no outro envolta do pau dele, ai botei a mão direita no pau do Leandro também, mas ele ainda estava com a calça fechada, ele então abriu a calça e botou o pau dele pra fora, eu segurei ele e comecei a masturbar os dois de uma vez, enquanto o Leandro tirava minha blusa e meu sutiã e chupava meus seios, o Rogério abriu o zíper da minha calça e abaixou ela e deu uma mordida na minha bunda, eu comecei a tirar o blazer, a gravata e a camisa do Leandro e vi aquele moreno sarado na minha frente, vi por um instante como ele era forte e musculoso, então comecei a beijar o peito dele, desci pro abdômen e comecei a chupar ele enquanto masturbava o Rogério, logo troquei e botei o pau do Rogério na minha boca. Enquanto ainda estava chupando o Rogério olhei pra cima, e vi ele revirando os olhos. O Leandro olhava pra mim com cara de tesão, fiquei um tempo chupando os dois, ate que o Leandro segurou minha mão e me levantou.

Ele me deu a mão e fez um sinal com a cabeça pro Rogério, que foi logo andando e se encostando em uma mesa que estava no canto da sala. Leandro pediu pra que eu chupasse o pau do Rogério enquanto eu ficava meio que de 4, em pé, e quando eu comecei, o Rogério segurou meus cabelos com as mãos e senti o Leandro pincelando o pau na minha bucetinha, ele disse que eu estava muito molhada, ele colocou a camisinha e falou pra que eu pedisse a ele para botar o pau na minha bucetinha.

Eu estava louca de tesão com o pau dele na entrada da minha pepeca, já estava gemendo antes mesmo dele enfiar em mim, então pedi: “Bota esse pau gostoso na minha bucetinha, vai.”. Ele meteu o pau em mim bem devagar, nossa…que sensação maravilhosa, quase indescritível, sentir aquele pau quente e grosso entrando na minha bucetinha molhada, quase que não conseguia chupar o Rogério com aquele pau dentro de mim, só conseguia gemer e pensar como aquilo era gostoso.

Mas chupei bem gostoso aquele pau rosinha do Rogério enquanto enquanto o leandro segurava minha cintura com força e socava o pau em mim, nada mais importava, só conseguia sentir e pensar no pau do Rogério na minha boca e no pau do Leandro entrando na minha bucetinha, eu também gemia alto, e não ligava mais se alguém fosse ver ou escutar. Uns minutinhos depois o Leandro começou a meter mais forte e mais rápido, eu escutei ele gemendo atrás de mim e senti que ele iria gozar, então olhei para trás e pedi pra ele gozar dentro da minha bucetinha, então contrai minha pepeca com bastante força enquanto ele socava forte, ele não aguentou haha logo gozou bem gostoso dentro na minha pepeca.

Ele tirou o pau de dentro de mim, eu agachei na frente dele, tirei a camisinha e comecei a chupar aquele pau todo gozado enquanto sentia ainda saindo um pouco de gozo dentro da minha boca, adorei sentir saindo aquele leitinho quente na minha boca. Ele falou que iria sentar em uma cadeira e que era a vez do Rogério. Ele foi pra uma cadeira que estava no meio da sala. Ele sentou e eu voltei a chupar ele enquanto o Rogério segurou minha cintura e pediu pra eu empinar a bunda.

Então o Rogério foi com tudo, começou a socar bem forte e rápido minha bucetinha. Ele fez aquilo por um tempo, eu fiquei impressionada como ele conseguia manter a força e a velocidade por tanto tempo sem cansar, mesmo eu contraindo minha bucetinha ele continuava firme e forte, eu nunca tinha sentido isso. Ele continuava socando forte e colocou um dedo no meu cuzinho, naquele momento eu pensei no que estava fazendo, percebi que estava ali dando pra dois caras gostosos e que aquela sensação era muito melhor do que eu um dia imaginei. Não estava mais aguentando e gritei pra ele não parar que eu ia gozar, ele continuou, continuou socando firme e segurou minha cintura com as duas mãos, então botou mais forte ainda em mim, tive que parar de chupar o Leandro e botei minhas mãos nos peitos dele pra conseguir suportar a pressão que o Rogério estava fazendo.

Foi ai que gozei bem gostoso, mal conseguia ficar com as pernas esticadas enquanto o Rogério metia em mim, pedi pra que ele fosse mais devagar, abracei o Leandro pelo pescoço e quis sentir aquele momento por uns segundos. Estava sentindo o pau do Rogério entrando e saindo da minha bucetinha que estava se contraindo sozinha, eu estava tendo um orgasmo que nunca tive antes, era como se toda a parte de dentro da minha pepeca estivesse se contraindo, eu estava ali gozando por vários minutos inteiros e gemendo no ouvido do Leandro.

Depois que gozei levantei meio que fora de si rsrs ajeitando o cabelo e tentando não cair porque estava com as pernas bambas. O Rogério riu, deu um tapinha na minha bunda e falou que agora era a vez dele gozar.

Ele pediu pra que eu sentasse na mesa, então sentei e ele abriu minhas pernas, e empurrou meu peito pra que eu deitasse. Quando deitei na mesa ele juntou minhas pernas e as abraçou, e começou a meter em mim e a beijar meus pés ao mesmo tempo, era uma sensação maravilhosa, sentir ele botando em mim e chupando os dedos dos meus pés ao mesmo tempo.

Depois de uns minutinhos nessa posição ele pediu pra eu ficar de 4, com os pés no chão e deitada na mesa, ele pincelou minha bucetinha e começou a botar de novo, até que segurou meu cabelo com força e começou a bater forte na minha bunda, ai eu olhei pro Leandro e ele estava na cadeira, sentado e olhando de boca aberta, eu levantei minha perna direita e coloquei em cima da mesa, fiquei com um pé no chão e a outra perna levantada, queria que o Leandro visse o Rogério me comendo.

O Rogério continuou me comendo e logo gritou que ia gozar, eu pedi pra ele:”Goza vai, goza bem gostoso pra mim”. Ele tirou o pau da minha bucetinha e tirou a camisinha, então gozou na minha bunda, do lado de fora, enquanto eu estava de 4 e olhando de lado pro Leandro, que estava mordendo os lábios e admirando a cena. Senti o leitinho do Rogério quente escorrendo pela minha bunda e senti também uma sensação de dever cumprido, ter conseguido fazer aqueles dois machos gozar bem gostoso.

Enquanto colocava de volta minha roupa, olhei para o Rogério e pensei como estava surpresa dele ser tão gostoso e meter tão bem, e ter me feito gozar tão gostoso, não queria que aquele momento acabasse, mas tinha que voltar para o trabalho. Quando estava terminando de me vestir olhei para o Leandro, vi ele abotoando a blusa e colocando o blazer de volta e pensei naquele pau gostoso dele gozando ainda dentro da minha boca, e me senti a mulher mais gostosa do mundo hahaha.

Quando estava voltando, enquanto subia as escadas, o Leandro me chamou, eu olhei pra trás e ele veio na minha direção. Ele meu abraçou, falou que queria me encontrar algum dia de novo, e que queria agora que ele me fizesse gozar. Eu dei um sorriso e falei que não via a hora disso acontecer. Ele me beijou, um beijo quente, bem apertado. Então eu subi, fui ao banheiro retocar a maquiagem e voltei para o trabalho, quase 50 minutos depois.

Voltei pra minha mesa na recepção e olhei pra Larissa, ela estava rindo pra mim, eu suspirei e voltei a trabalhar beeem leve, como se nada tivesse acontecido.

Espero que tenham gostado tanto quanto eu dessa experiência, foi algo que nunca vou esquecer na minha vida. Me desculpem pelo texto grande, é que eu queria que vocês tivessem a sensação mais próxima da que eu tive. Espero ter conseguido pelo menos ter dado uma ideia a vocês de como foi maravilhoso. Obrigada!

Leia outros Contos eróticos verídicos bem excitantes abaixo:

Virei putinha do pai da minha amiga

O dia em que aprendi a foder… A primeira foda ANAL.

27442 views

Contos Eróticos relacionados

Antes de tudo

Me chamo Eduardo tenho 26 anos, 1,70 de altura barriguinha tanquinho, coxas grossas resumindo me orgulho do corpo que tenho o que vou relatar a vocês foi algo que aconteceu comigo isso aconteceu em...

LER CONTO

Transei com o pai do meu namorado Real

O pai do meu namorado Oi amores me chamo Laura ,sou nova anos, 1.64 de altura, magra, cabelo longo, branquinhe, sorriso lindo , se você quiser saber como sou fisicamente meu insta é...

LER CONTO

SEGREDOS SEXUAIS SADO-MASOQUISTAS

Desde adolescente me apercebi de algo que, na altura, eu achava estranho e tinha vergonha de confessar: a minha excitação com pés (não só de vê-los nus, como nas práticas que hoje,...

LER CONTO

Sacanagem Da Filha Adotiva

Sacanagem Da Filha Adotiva

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Site De Hentai

Site De Hentai

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Chupando Papai de Quatro

Chupando Papai de Quatro

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

MARY – UMA LINDA ESPOSA – 13º CAPÍTULO

- - - 12º CAPÍTULO. - - - - . . . – TEMA – MARY – MINHA LINDA ESPOSA. - - - Personagens – Luiza ( Sobrinha) – Antonio Carlos (Tio) e Camila (Tia) Neste Capítulo. - - - O Término das...

LER CONTO

INICIADA PELO ORIENTADOR

Chamo-me Fernanda, tenho 19 anos, sou brasileira de uma família muito conservadora. Cheguei a Portugal há poucos meses com os meus pais e três irmãos. Inscrevi-me num curso profissional que...

LER CONTO

1 - Comentário(s)

  • Um cara que viu a verdade 27/01/2024 18:06

    Homem nunca vai superar a mulher em termo de se satisfazer sexualmente, só faltou uma dp pra ela atingir o prazer máximo de uma mulher "ser fodida no cu e na buceta ao mesmo tempo ",o maior fetiche de uma mulher que gosta de sexo ,vi uma vez uma pesquisa num site que trata de sexo onde perguntaram pra 50 mulheres entre 18 há 35 anos qual era o maior desejo sexual delas e 80% delas disseram ,"ter uma noite de prazer com dois homens ou +",essa pesquisa foi feita com um questionário com opções,depois que li esse artigo ,hoje em dia eu olho pra mulheres ,seja colegas de trabalho,nas curtidas da noite em bares ,festas etc com um olhar de "eu sei o que vocês mais querem suas putas safadas ",eu não sou um homem com corpo trincado ,bonito e gostoso como "todas as mulheres querem "então essa experiência a três nunca terei nessa vida ,mas me garanto na hora de fuder seja qual mulher ,enfim como eu sempre digo ,MULHER QUANDO TEM A OPORTUNIDADE DE REALIZAR SEUS DESEJOS SEXUAIS IRAM COM TUDO SEM PENSAR NO AMANHÃ, FAMÍLIA,SE É CASADA MÃE DE FILHOS , SÓ QUERENDO NAQUELE MOMENTO TER O PRAZER MAXIMO REALIZADO ....TODAS VOCÊS QUE EU SEI .

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 2 + 3 = ?
ContosAdultos.Club - O seu site de Contos Eróticos
Se você gosta de ler contos eróticos ou contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.
© 2024 - Contos adultos