website page counter
Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos adultos » Contos eróticos picantes » Morena da academia

Morena da academia

Publicado em maio 4, 2024 por Fernando Moreno

O conto que vou trazer aqui, é sobre uma amiga que conheci na academia. Ela se chama Amanda, uma morena linda, uma negra que vou falar para vocês, nunca imaginei transando com uma morena dessa. Quem já leu meus contos anteriores já sabe como eu sou, moreno, dos olhos castanhos, e boca carnuda. Já tive algumas aventuras lá atrás, mais isso a muito tempo.

Como fiquei bom tempo sem me envolver com ninguém, resolvi encarar uma academia, para cuidar da saúde pois estava muito sedentário. E lá conheci Amanda, que na primeira impressão minha foi, menina metida a besta. Pois nem olhava na cara de ninguém, mais fazia questão de fazer exercícios na minha frente. Até parecia que estava me provocando, e isso me dava uma raiva, e o pior que parecia uma coisa, por mais que eu mudasse de horário, nois sempre se encontrava. Até que um final de semana resolvi sair e ir no aniversario de parça da academia, e chegando lá quem que encontrei, logo de cara.

Isso mesmo meus amigos, ela. e ela estava linda com um vestido marrom que valorizava cada curva dela. Peguei um suco e ela chegou chegou e acabou fazendo um comentário que nós fez entrar em um dialogo muito gostoso por sinal. Nada de putaria, somente comentário de academia, e de como aquele monte de guloseima iria fazer nois se esforçar mais e mais na academia.

O engraçado que depois desse dia, a gente criou uma amizade ate bacana, e começamos a fazer academia juntos, e sempre conversando e incentivando um ao outro. Quando um belo dia, de convidei ela para fazer uma caminhada no parque do inga. Ela aceitou na hora, marcamos de nos encontrar no domingo, é claro que preparei uma cesta e deixei no carro com a intenção de fazer um piquenique. Foi até legal, nos encontramos demos uma volta no parque, ela tomou uma água de coco, e eu tomei um caldo de cana. Fizemos o piquenique, e acabei levando ela pra casa, quando chegou na casa dela, ela tomou a iniciativa de me dar um beijo, e disse que não poderia me chamar para entrar, pois ela morava com o irmão dela, mais quem sabe nois poderia marcar algo a mais no final de semana. É claro que na hora topei. E vou dizer para vocês. O semana que não passava. Mais em contra a partida consegui comprar tudo o que sempre gosto de usar para uma boa noite de sexo. Gel retardante, e camisinha que não pode falta.

Quando chegou no sábado, nos encontramos num pagode a noite, que ela disse que gostava de um pagode, dançamos um pouco, só que vou dizer, sou um péssimo dançarino. Mais um excelente acompanhante. Rimos muito nesta noite, começamos a nos beijar e de repente ouve um convite. “Vamos para sua casa”. Na hora fomos para o meu carro, e chegando lá ela me deu mais uns beijos. Chegando em casa não me contive muito, mais fui ao banheiro e já passei o gel para ir tendo o feito desejado. Voltei e começamos a nos beijar no sofá da sala mesmo. O que ela logo sentou no meu colo e começou a se esfregar. Obvio que já fui passando a mão sobre a bunda dela e entre beijos e mordidinha suave ela tirou a minha camiseta, e já foi beijando o meu peito, enquanto ela beijava meu peito, ela passava a unha sobre meu peito e apertava meu peito com força. Levantei e virei ela de bruço, ajoelhei entre a pernas dela e comecei a beijar sua bunda e mordiscar, o que fez ela soltar um gemido muito gostoso.

Ela se colocou de quatro sobre o sofá e isso foi o suficiente para puxar a calcinha dela de lado e antes de chupar a buceta dela, comecei a beijar o pescoço dela e beijar as costas dela. O que percebi que ela amava, e realmente o desejo e tesão foi aumentando, o que comecei a tocar a xoxota dela, enfiando um dedo dentro dela e outro roçando o clítoris dela.

Quando ela se virou para mim e pediu para chupar meu pau. Na hora tirei o resto da minha roupa, ela já pegou ele e o primeiro ato dela me deixou louco de tesão, e me fez ver que ela era muito safada, e era o que eu estava precisando. Ela já segurou o meu mastro, cuspiu sobre ele, punhetou um pouco e já caiu de boca. E ainda bem que o gel já tinha feito efeito, porque vou falar a verdade, se não fosse isso tinha queimado a largada logo de inicio. E que boque te maravilhoso. Ela me chupava e punhetava ao mesmo tempo, isso só judiava mais de mim. Sentei no sofá e ela se ajeitou sobre as minhas pernas, e me chupava com gosto.

Coloquei a camisinha e fui para chupar a morena gostosa, ela me empurrou sobre o sofá e disse que depois eu chupava, que o que ela queria naquele momento era sentar na minha rola, pegou virou de costa para mim, encostou a cabeça do meu pau na xoxota dela, e começou a rebolar de vagar e sentar de vagarzinho, quando percebi ela já estava com o meu pau todo dentro dela. O que ela começou a quicar na minha geba, e enquanto ela quicava, eu segurava a cintura dela e ajudava bombando o meu pau dentro dela. De vez enquanto ela parava e rebolava com o meu pau dentro dela. Amanda pegou e deitou com suas costa sobre o meu peito e com a perna meio que aberta ela tocava uma siririca, e apertava o peito dela. Eu continuei beijando o pescoço dela. Peguei e tirei ela de cima de mim e coloquei ela de quatro, ajoelhei entre as pernas dela e comecei a beijar a xoxota dela, o que me fez sentir como ela estava encharcadinha, e o gemido dela, que gemido maravilhoso.

 

Segurei ela pela cintura coloquei o meu pau na sua buceta, e enfiei meu pau dentro dela, o que não foi muito difícil, pois ela estava realmente muito encharcada. Comecei a bombar meu pau sobre a buceta dela, e apertava a bunda dela, o que me rendeu lindos gemidos, que me fez ficar estasiado e me incentivava cada vez mais a meter naquela buceta. Ficamos ali por minutos e quando percebi que estava preste a gozar, tirei meu pau de dentro dela e fui chupar a xoxota dela mais um pouco. O que não pude deixar de reparar é que ela estava escorrendo pela perna, e isso era uma coisa inedita para mim, pois nunca tinha visto uma mulher gozar desse jeito.

Ela me pediu para continuar metendo, pois queria sentir meu pau pulsando dentro dela. O que fiz rapidamente, mais já sabendo que estava preste a gozar, mais não me contive, principalmente, quando ouvi ela pedir para gozar e quando fosse gozar para tirar a camisinha e esporra-se na bunda dela. O que não demorou muito para eu atender. Quando vi que não estava mais aguentando, tirei a camisinha e punhetei ate gozar na bunda dela, o que ela esfregou sobre a bunda ate sumir, e ainda pegou e limpou a mão com a lingua. Foi uma transa maravilhosa que vou confessar, tivemos mais outras transa que logo vou relatar aqui para vocês.

Leia outros Contos eróticos picantes bem excitantes abaixo:

Carlos e Beatriz

Os Dois Filhos de Dona Márcia

21232 views

Contos Eróticos relacionados

Uma deliciosa carona

- - - Uma deliciosa carona - - - - - - Introdução e Personagens - - Junior é o meu nome – Tenho 26 anos – Altura – 1.89 centímetros. – Cabelos e olhos castanhos. Aproximadamente 100...

LER CONTO

Eu e minha esposa no barzinho

Ola, vou me apresentar como Dinho e minha esposa Ju. Nós somos casados ha 14 anos e temos uma vida sexual ativa. Quando nós transamos eu tenho hábito de narrar algumas situações na qual...

LER CONTO

Morena da bunda grande

Um dia em casa minha esposa tenq da plantão  de 2 dias pois é infermeira eu tava sozinho em casa então resolvi bater papo com um amiga do tempo q eu ia pra igreja demos alguns beijos mais não...

LER CONTO

Primeira dupla penetração da filhinha

Primeira dupla penetração da filhinha

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Bucetão peludo da novinha

Bucetão peludo da novinha

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Primeira dupla penetração da filhinha

Primeira dupla penetração da filhinha

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

MINHA PRIMINHA – MINHA GOSTOSA PUTINHA

• - - . . . . - COMENDO A MINHA PRIMINHA EM CASA. ... • - - . . . . - Comecei a admirar a minha linda priminha já na adolescência, eu estava com 17/18 anos e ela com 15/16 aninhos. ... • -...

LER CONTO

AVENTURA EM RIBEIRÃO PRETO

AVENTURA EM RIBEIRÃO PRETO vou contar uma aventura interessante das muitas que me aconteceram; sou fotografo profissional e tenho uma pequena agência de propaganda e vivo viajando por ai...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 2 = ?
ContosAdultos.Club - O seu site de Contos Eróticos
Se você gosta de ler contos eróticos ou contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.
© 2024 - Contos adultos