website page counter
Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos adultos » Contos eróticos de corno » VIREI PUTA DE LUXO PELO MEU FILHO

VIREI PUTA DE LUXO PELO MEU FILHO

Publicado em janeiro 6, 2023 por Ademir

VIREI PUTA DE LUXO PELO MEU FILHO.

Quando eu e o Fábio nos casamos, era tudo flores, eu com 20 anos e ele com 25, estávamos perdidamente apaixonados e éramos felizes, o Fábio tinha um ótimo emprego com bom salário e eu também trabalhava na época, então o início do nosso casamento foi algo assim maravilhoso, o Fábio era um bom marido, bonito, divertido, agradável e muito bom de cama, a gente estava muito feliz até que fiquei grávida e no pré natal o médico informou que era uma gravidez de risco, então o Fábio achou melhor eu parar de trabalhar para ficar em repouso, a princípio não gostei muito da ideia mas ele insistiu e eu acabei largando o emprego, foram 9 meses de cuidados e sufoco, correndo para o médico constantemente para segurar o bebe que finalmente nasceu, um bebe forte e bonito um menino; Com o passar do tempo percebemos que o Carlinhos não era um bebe comum, e no médico após muitos exames o diagnostico triste foi de uma criança com autismo, ficamos muito chocados com a notícia porém prometemos que ele seria muito amado e cuidado e o tempo foi passando com a gente já acostumada com o seu silêncio, e foi assim até que ele completou 6 anos quando então a conselho médico resolvemos colocá-lo em uma escola especial para autistas, ótima escola porém muito cara mas naquela época o Fábio continuava bem empregado com um bom salário, porém alguns meses depois, foi demitido do trabalho e para nos foi um baque.

Começamos a utilizar nossas reservas e eu e ele a procurar novos empregos, porém uma época de recessão não aparecia nada, até que com o fim das nossas reservas começamos a atrasar as dívidas, ai eu e meu marido passamos a fazer trabalhos temporários, ele de mecânico em nossa garagem e eu fazendo unhas a domicílio, porém o que ganhávamos dava mal e mal para pagar as despesas primarias como alimentos, água e energia elétrica , as demais contas foi ficando para trás e a maior, a escola do Carlinhos começou a atrasar também, fomos chamados pela diretoria que queria uma solução urgente sob pena de cortar nosso contrato por falta de pagamento, eu e meu marido entramos em desespero e tentamos empréstimos de parentes e bancos porém nada conseguimos, até que um dia fazendo a unha de uma cliente nova, uma mulher fina e muito rica apareceu uma luz no fim do túnel, durante a conversa informal enquanto trabalhava em suas unhas, surgiu o papo sobre trabalho quanto então comentei com ela sobre minha situação ela me ouviu e me ofereceu algo que poderia salvar nossas finanças, a princípio eu abominei a ideia da sua oferta que nada mais era que prostituição de luxo, ela comentou que eu era uma mulher muito bonita, jovem e educada e que isso poderia me render muito dinheiro, eu modéstia a parte, em meus 26 anos, morena, alta, seios grandes tipo gg, esquia ainda apesar da gravidez que me parecia havia melhorado ainda mais meu corpo, as coxas grossas, bunda grande, bucetinha pequena e apertadinha, era uma mulher que chamava a atenção dos homens rsrsr.

Porém aquela oferta ia contra todos os meus princípios, eu jamais faria algo assim, amava meu marido, além do que minha formação religiosa me impedia de fazer algo assim, descartei veementemente a proposta explicando a ela que era casada e mãe e não poderia jamais fazê-lo, ela aceitou minhas desculpas e disse estar a minha disposição caso mudasse de ideia, me deixando seu cartão que joguei em uma gaveta em casa, porém sai dali pensando na absurda proposta da Sra, ficava vermelha de vergonha só em pensar no assunto, eu só tinha tido um homem em minha vida, meu marido e nem passava pela minha cabeça trai-lo, já em casa após o banho, eu apesar de cansada estava acessa sentindo muita tesão, o assunto com aquela Sra havia mexido com meu libido e tentei algum carinho com meu esposo que sonolento e cansado pediu que eu o deixasse dormir em paz, fiquei triste e muito chateada afinal já faziam uns 3 meses que ele não me tocava, pois vivia preocupado com as contas e o dinheiro curto, ouvindo seus roncos dormindo profundamente, enfiei a mão por dentro da calcinha e me masturbei até o gozo ainda apensando na proposta indecente da cafetina srsrsr.

No dia seguinte ao levar meu filho para a escola, novamente fui chamada pela diretora que informou que se não houvesse algum pagamento já estava atrasado 3 meses, iriam cortar meu filho do programa em 15 dias, entrei em desespero e apesar dos meus pedidos e explicações a diretora foi irredutível e não aceitou minhas desculpas então decidi me sacrificar pelo meu filho, chegando em casa, procurei o cartão que a mulher havia me dado e depois de certa hesitação, criei coragem e liguei para ela e pedi outras informações a respeito do trabalho que me ofereceu pois estava disposta a aceitar um contrato com ela, marcamos um encontro onde ela me explicou a dinâmica da coisa, ela era o contato de diversos homens, todos ricos comerciantes ou políticos que vinha a nossa cidade a trabalho e a noite necessitavam de um relaxamento e nada como uma bela e jovem mulher para isso, me informou que o pagamento era ótimo e no meu caso devido a beleza e o corpo exuberante, o cache seria mais alto ainda, informou que mantinha contato com diversas mulheres de preferência casadas pois era mais seguro o sigilo pois tratava-se de homens importantes na maioria casados que exigiam muita discrição e sigilo e ela era a ponte para eles que a procuravam sempre que procuravam uma garota com pagamentos generosos e adiantados sobre o qual ela cobrava 10% e o restante era todo meu.

Eu por minha vez tinha de ser muito discreta e carinhosa e deveria aceitar tudo que me for pedido pelos homens, fiquei meio assustada com aquilo mais estava necessitando muito do dinheiro e acabei aceitando, acertamos que ela ligaria para mim no dia seguinte marcando um encontro com um político famoso que já havia a procurado para contratar uma garota, permiti que ela tirasse uma foto minha com o celular para mostrar ao interessado, sai dali toda envergonhada e chegando em casa não consegui encarar meu marido que continuava a fazer bicos de mecânico em nossa garagem, não dormi bem aquela noite e esperei ansiosamente pelo toque do telefone, por volta das 18 hs, ela me ligou para confirmar o encontro, me deu o nome do hotel e o nº do quarto do político famoso, informou que ele gostou muito de mim e pagou nada menos que 2.000,00 por uma noite comigo, deixou claro que 10% seriam sua comissão, me sobravam 1.800,00, já dava paras pagar 2 mensalidades da escola do meu filho, me admirei pelo valor porém não comentei e confirmei minha ida para o hotel as 20:00 hs conforme combinado com o cliente, tomei um banho demorado, me depilei deixando as pernas e boceta bem lisinha, vesti um conjunto preto de calcinha e sutiã bem pequenos que mal cobria meus seios e boceta e entrava por entre as minhas nádegas me deixando com tesão, um vestido branco curto e salto altos completou o visual que me deixou extremamente sensual.

Meu marido estranhou minhas roupas quando disse que ia fazer unha de algumas pessoas famosas em um hotel de luxo da cidade porém não se incomodou, dei um beijo de despedida já arrependida do que ia fazer mas era necessário pelo meu filho e até pelo meu casamento e conforme combinado com a cafetina um táxi me buscou em casa até o hotel, entrei timidamente no grande saguão do hotel me dirigindo ao balcão, o atendente mal me olhou quando informei que estava sendo esperado no quarto 121, me indicou o elevador e continuou com suas anotações, entrei no elevador totalmente apreensiva, torcendo as mãos muito preocupada e nervosa, tudo era novo para mim, mesmo o luxo do hotel, meu deus será que eu ia conseguir fazer aquilo, em frente a porta do quarto excitei bater quando de repente a porta se abriu e surgiu um sr. aparentando uns 50 anos, meio grisalho, porém bonito e muito simpático, era alto e com uma barriguinha saliente provavelmente de cerveja, me mandou entrar, eu toda acanhada, o segui até a sala onde me ofereceu o sofá, sentando-se em outro, conversamos um pouco sobre a cidade, até que ele entrou no assunto que me trouxe ali, comentou que eu realmente era muito linda conforme a cafetina tinha informado e mostrado a minha foto e que estava muito ansioso para estar comigo na cama.

Eu timidamente disse a ele que nunca tinha feito aquilo e ele ficou curioso e quis saber mais a respeito, acabei contando minha triste história, falei a ele sobre meu filho doente e o desemprego meu e do meu marido me trazendo aquela situação, ele gentilmente se compadeceu por mim e estava disposto a desistir de me levar para a cama mas eu não concordei pois necessitava muito do dinheiro, ai ele gentilmente me levou até o quarto e em pé, com delicadeza e paciência, começou a me beijar os ombros, a face e o pescoço, eu não sabia o que fazer, com um medo terrível mas fui me soltando com suas carícias gentis, senti seus lábios procurando os meus, a princípio virei o rosto porém lembrei da recomendação da cafetina sobre deixar acontecer e voltei e me deixei beijar, sua língua arisca invadiu minha boca explorando profundamente minha boca e ele me abraço e me apertava contra seu corpo me fazendo sentir sua ereção através das roupas, eu estava assustada porém comecei a perceber um aumento do libido, eu dizia a mim mesma que aquilo era só um modo de ganhar dinheiro que eu necessitava desesperadamente para bancar a escola do meu filho, mas algo estava acontecendo, sentia minha pele sensível arrepiada com as carias do homem que sequer sabia o nome, acho que a falta de sexo com meu marido a mais de 3 meses estava a favor do homem que estava agora atarefado tentando abrir minhas roupas e eu fui facilitando pois além de querer acabar logo com aquilo.

Estava sentindo um prazer que desconhecia, o romantismo entre eu e meu marido a muito estava esquecido e nossas raras noite de sexo eram rápidas e sem sal, ele enfiava o membro em mim, dava algumas estocadas e gozava, retirando o pinto rapidamente, se virava para seu lado e dormia me deixando na saudade muito triste e sem orgasmo, era um sexo mecânico e péssimo e ali com aquele desconhecido tão carinhoso e preocupado comigo me fazendo carinhos deliciosos nas preliminares, fui me entregando e ajudando ele a me despir até ficar só de calcinha, que por sinal era mínima, mal cobrindo minha boceta gordinha e lisinha e entrava por entre as nádegas, deixando minha bunda disponível e sensual, ele me deitou na cama e olhando com cobiça para meu corpo semi nu, começou a se despir, deixando a mostra um corpo meio flácido mas um membro enorme e bem duro, eu olha fascinada e assustada para seu pau que empinava fortemente, o pinto do meu marido era bem menor e mais fino que aquilo, ele se aproximou de mim na cama e me beijou, descendo a boca para meus seios cujos bicos estavam doloridos de tão duros, e mamou gostosamente, ora um ora outro me deixando molhada de tesão.

Senti sua mão invadindo minha calcinha e seus dedos atrevidos tocando meu clitóris teso e melado, eu gemi alto e ele se entusiasmou ainda mais descendo a boa pelo meu corpo beijando e lambendo, retirou minha calcinha devagar até sair pelos meus pés, abriu minha coxas olhando de boca aberta para minha boceta depilada com o grelo durinho e meladinho, senti sua língua lamber meu grelo e gemi arfando, ergui meu corpo contra seus lábios e de repente senti sua língua penetrar minha boceta, eu estremeci e tive o primeiro orgasmo dos muito que teria aquela noite, sua língua arrisca me explorava profundamente me levando as nuvens de tanto gozo, ele retirou a língua da minha boceta e veio para cima do meu corpo, eu me abri totalmente para ele e senti seu pau enorme, grosso e longo iniciar a penetração, gemi e me abracei a ele erguendo o corpo a seu encontro forçando a penetração total, gemi de dor devido o calibre do seu membro, ele arfava de prazer totalmente dentro de mim , me beijava alucinado e começou um vai e vem maravilhoso me levando ao céu e explodi em um gozo violento sentindo a lava quente do seu esperma espirrando dentro de mim, nosso gozo se prolongou por muitos minutos, ele deitou-se sobre meu corpo descansando do gozo intenso, eu e e ele estávamos ofegante e molhados de suor pelo embate amoroso, ficamos assim abraçados por um longo tempo, ai ele saiu de dentro e de cima de mim se deitando ao meu lado, comentou que eu era deliciosa demais rsrsrs.

Eu fiquei lisonjeada e sorri, após alguns minutos de descanso, ele se voltou para mim e recomeçou os beijos e afagos, eu já tinha cumprido com minha parte e poderia ir embora sem problemas, porém estava tão bom os seus carinhos que resolvi ficar mais um pouco, me entreguei aos seus beijos e caricias ousadas, segurei seu enorme membro, duro e latejante, ele gemeu com meu carinho, me debrucei sobre ele beijando seu pescoço, e fui descendo pelo seu peito, barriga chegando ao seu enorme pinto, beijei seu pau que empinou de tesão, lambi devagar e enchi a boca com a cabeça vermelha sugando gostosamente, ele gemia como um animal ferido e em menos de 10 minutos choramingou que se eu continuasse ia gozar na minha boca, continuei a mamar e de repente explodiu em um orgasmo assustador no interior da minha boca, senti seu esperma abundante e espesso espirrando em minha boca, morno e delicioso, engoli cada gota do seu esperma levando o homem a loucura, após seu gozo, tirei a boca do seu pinto e o beijei na boca, ele sugou minha língua com carinho e me agradeceu pelo prazer intenso por deixá-lo gozar em minha boca, ficamos abraçados mais um pouco até sentir novamente sua ereção me cutucando a testa da boceta e novamente ele me penetrou profundamente, com estocadas firmes e profundas, me levou a um novo e delicioso orgasmo, e se enterrando totalmente em mim gozou fortemente novamente.

Ficamos assim abraçados descansando até que pegamos no sono devido a exaustão pelos diversos orgasmos, quando dei por mim já era de manha, me levantei assustada acordando ele que me pediu calma, me desculpei e pedi para tomar um banho, sentia ainda a leve dorzinha das 2 deliciosas penetrações dele em minha boceta, acabei o banho e ao sair do banho me esperava uma mesa farta de um desjejum delicioso e revigorante, logo após tomarmos o café da manha, ele me agradeceu dizendo que nunca estivera com uma mulher como eu, me informou que já havia pago para a cafetina o valor pedido porém eu merecia muito mais, e me deu um envelope, dizendo uma recompensa pela noite maravilhosa que me proporcionou, até me assustei quando abri o envelope depois no táxi com o valor que encontrei, eu agradeci e fui embora, estava super envergonhada quando passei pelo saguão do hotel mas me pareceu que ninguém me deu atenção, mas ao mesmo tempo feliz pelo dinheiro que ele me deu pois daria para garantir a permanência do meu filho na escola especial.

Chegando em casa, meu marido ainda dormia profundamente, em silêncio para não acordá-lo, me despi escondendo as roupas no cesto inclusive a calcinha estava melada do esperma do homem e coloquei o pijama, e bem devagar me deitei a seu lado, fiquei pensando no que havia feito, muito arrependida por trair meu marido porém aquilo havia salvo a escola do garoto, logo percebi ele acordar e fingi acordar também, reclamou por não ter visto eu chegar, dei uma desculpa da demora devido ter atendido mais de uma pessoa e acabei me atrasando, e quando cheguei em casa ele já estava dormindo, levantei, preparei o café café e fui levar meu filho na escola, aproveitei para pagar as mensalidades atrasadas.

Depois daquela noite, ainda fui muitas outras vezes com com ele e outros homens, conseguindo manter nossa situação financeira sobre controle, ate que meu marido conseguiu novo trabalho e pude parar com aquilo, mas até hoje me lembro com saudades do primeiro caso que tive fora do casamento.

Veja outros contos de Contos eróticos de corno e bem gostosos logo abaixo:

TIVE QUE PAGAR A DIVIDA DO MEU NAMORADO NO BAR, ADIVINHEM COMO

O Marido exemplar II

22458 views

Contos Eróticos relacionados

Para a alegria do corninho

Passava pouco mais das 18h quando a mensagem do marido chegou ao meu WhatsApp: "Opa. Você está disponível hoje?". Já comecei a ficar excitado e, mais que depressa, respondi: "Sim, claro". "Então...

LER CONTO

FUI OBRIGADA A FUDER COM O SINDICO

Meu nome é Marcela, tenho 28 anos, sou casada com o Reinaldo há cinco anos. Meu marido foi meu primeiro e único homem, tenho um corpo gordinho tipo gordelicia, peso 65 quilos mas para minha...

LER CONTO

As experiencias de Felicia

O Mercedes se aproxima da guarita e o vigilante acena pra Felicia ao mesmo tempo que ela faz um gesto com a cabeça e um sorriso de agradecimento conforme o portão vai abrindo. Já com o portão da...

LER CONTO

Minha mulher me traiu e amei assistir sem ela ver

Precisei ficar alguns meses na cidade de ... por causa da empresa. Minha mulher estava desgostosa comigo, pois não tinha prazo para voltarmos para São Paulo e ela não gostou da ideia de ficar...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 5 + 4 = ?
ContosAdultos.Club - O seu site de Contos Eróticos
Se você gosta de ler contos eróticos ou contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.
© 2023 - Contos adultos