website page counter
Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos adultos » Contos eróticos picantes » Trai meu marido com um gostoso negão no condomínio – 1º Capitulo

Trai meu marido com um gostoso negão no condomínio – 1º Capitulo

Publicado em junho 16, 2022 por CARLOS A. LYRA

Trai meu marido com um gostoso negão no condomínio

C. Carlyle Lyra

– . . . – Introdução – Olá, pessoal. Tudo em paz com vocês. … Eu me chamo Lidiane, tenho 28 anos e essa minha fantasia real aconteceu dentro do meu condomínio. … Sou uma mulher morena, alta, bem financeiramente, meus seios são bem vistosos e atraentes. … desperto desejo em vários homens.

– . . . – Eu estava de férias do trabalho e não tinha o que fazer. … Período muito quente aqui na nossa cidade. … Uma cidade colada à Brasília, no Entorno de Brasília. Uma cidade onde prolifera aqueles condomínios de construtoras ligadas aos programas sociais de moradia do governo. …

– . . . – Como estava muito calor, meu filho pediu para brincar no ‘parquinho’ do condomínio. … Coloquei uma bermuda bem colante no corpo e a calcinha bem colada no rego da bundinha e que deixava os homens loucos de tesão. … Coloquei uma blusa bem sensual de alça que desenhava o formato dos meus seios. … Sentei no banco para vigiar o meu filho que fica próximo ao parquinho. … E fiquei mexendo no celular enquanto meu filho brincava. … 15 minutos depois chegaram uns 12 rapazes para uma partida de futebol na quadra esportiva que tem no condomínio. … A partida começou e eu fiquei observando os rapazes jogando a partida. …

– . . . – Neste dia eu estava seca de tesão para que meu marido, Eduardo, me desse uma boa e gostosa ‘fodida’. … Mas ele acabou dormindo cedo. … A desejada ‘foda’ ficaria para mais tarde. …

– . . . – Fiquei assistindo a partida, mas por curiosidade dos rapazes que estavam na partida, já que não tenho interesse em partida de futebol, seja qual for. … Alguns estavam jogando sem camisa e outros com camisa. … Talvez seja para diferenciar as equipes no jogo. … Imaginei eu. … Os que estavam sem camisa eram bem interessantes. …

– . . . – Percebi que alguns deles me observavam com muito interesse. … Alguns, sem camisa, eram até bem interessantes. … Bonitos e podemos dizer, gostosos e musculosos sem exagero. … Percebi em um rapaz negro, cabelos no estilo militar, muito simpático e atencioso com todos da partida. … Tinha um corpo atlético e bem-feito. … Era musculoso, bem definido, mas não exagerado. … Percebi que era casado, pois tinha duas alianças nos dedos. … Fiquei encucada. … Por que duas alianças nos dedos??? … A minha viajou a centenas e centenas de quilômetros, imaginando esse porquê?

– . . . – Nas jogadas dele, ele me observava atentamente e casualmente me mandava beijos bem delicados para que ninguém percebesse. Ele me mandava e discretamente dava vários apertos no cacetão dele. … Percebi que ele deveria ter uma piroca bem volumosa, já que no short demonstrava isso. … Eu disfarçava e abaixava a cabeça. … Eu ficava rindo daquela situação. … Mas, aquilo foi me deixando excitada e descontrolada de tesão. … Com a partida em andamento, percebi que tinha mais uns quatro também me olhando, secando e me comendo com os olhos. …

– . . . – Mas, o meu tesão era por aquele negro musculoso e charmoso. … Ele estava me deixando louco de tesão. … Eu não parava de pensar nele. Imaginava ele em cima de mim, enfiando aquele caralho negro nesta buceta toda loira. … Ele me comendo gostosamente. … Eram pensamentos. … Somente. …

– . . . – A partida foi encerrada e os rapazes foram para fora do condomínio já que lá fora tem um local para o pessoal se molhar e tirar o suor da partida. … Mas o meu gostoso e charmoso negro de um sorriso aconchegante. … Ele ficou sentado na quadra fazendo alguns exercícios, do tipo militar e foi se aproximando de mim, depois. …

– . . . – Ele me comia inteiramente com os olhos. … Me sentia possuída por ele. … Mas, a minha curiosidade eram as duas alianças. … Pensava na maneira e forma de nos transarmos nesse mesmo dia, já que meu marido preferiu dormir, ao invés de dar uma boa ‘trepada’ comigo. …

– . . . – A minha imaginação voava nas prováveis sacanagens que iríamos fazer. … Eu já tinha um assunto para conversar com ele. … E isso já me bastava. … Mas, também queria muito ‘foder’ com ele. …

– . . . – Pensei de todas as formas de como me aproximar dele e a vantagem que ele estava só na quadra e estava facilitando nossos desejos. … Percebia que ele queria me ‘comer’. … Os gestos, as atitudes e a forma de direcionar as mãos ao seu ‘pau’, era uma forma evidente de que queria muito ‘foder’ comigo. …

– . . . – Alguns rapazes entraram no condomínio e o chamaram para irem embora e eu o escutei falar que iria mais tarde pois tinha compromissos dentro do condomínio. … Com certeza, era um pretexto para ficar comigo e tentar me ‘comer’ de qualquer forma. … Mas, também esse era o meu desejo. … Eu queria muito experimentar e saborear aquela negra piroca. …

– . . . – Me aproximei dele e perguntei se tinha vaga para mais um participante. …

– . . . – Ele educadamente fala: … Mas, você joga bola, também!!!. …

– . . . – Eu disse: Não!!! É para o meu marido!!!.

– . . . – Ele. … Ok!!!. … Entendi. … Pede para aparecer e tem uma vaga para ele sim. …

Eu perguntei. … Quais são os dias que vocês vem jogar aqui???. …

Ele: Todas as terças e quintas, na parte da manhã. …

Ela: E o trabalho de vocês permitem essa rotina de diversão. …

Ele. … A maioria de nós somos militares e esses dias nós somos liberados do expediente da parte da manhã.

Ela. … Então, você é militar. … Por isso, esse corpo esbelto, atlético e formoso. …

Ele. … Deu sorriso de alegria e agradeceu o elogio.

Eu percebia, mesmo discretamente, mas desejosa de ‘comer’ aquela piroca, hoje ainda. Em mexer com frequência a piroca e as nádegas. … Imaginei. … Nas nádegas era para sentir eu apertá-la com gosto e vontade. …

Perguntei o que ele era dentro do quartel e ele falou: … Sou oficial paraquedista do Exército e sirvo na Brigada de Infantaria do Exército. … E falou: Sou Capitão. …

– . . . – Dei um largo sorriso de alegria e ficamos conversando por alguns minutos e perguntei. …

– . . . – Alex, ele já tinha se identificado, me mata uma curiosidade. … Desculpe a intromissão! …

– . . . – Ele, educadamente, fala: … Sem problemas!!!. …

– . . . – Ela: … Querido, essas duas alianças, por que!!!. …

– . . . – Ele, olha para Lidiane fixamente e fala: Um acidente de carro matou a minha esposa e a minha filha de um ano. … Ela pediu mil desculpas e deu um beijo no rosto dele. …

– . . . – Ele segura as mãos dela e dá um beijo na boca dela. … E a Lidiane estremece de prazer. …

– . . . – Eu senti um desejo enorme de perceber que ele queria me possuir, me amar e me ‘foder’ de todas as maneiras. … Via nos olhos dele isso. …

No segundo Capítulo: Um tesão irrefreável. … O gostinho de ser pirocada por 23,5 cm.

C. Carlyle Lyra

Leia outros Contos eróticos picantes bem excitantes abaixo:

UMA DAS MUITAS FODAS DELICIOSAS COM MEU PAI

Poema de Uma Puta - Mulher quente

11643 views

Contos Eróticos relacionados

Cunhada com problemas para ligar o chuveiro

Esse conto vai ser um pouco longo, mas acredito que vale a pena. É a primeira vez que escrevo algo do tipo, mas sinto a necessidade em contar o que veio a ocorrer comigo e minha cunhada. Para...

LER CONTO

Uma Madrasta Linda Ilustre Fogosa e Gostosa – 3ª e Última Parte

Uma Madrasta Linda Ilustre Fogosa e Gostosa. - - - 3ª e Última Parte. - - - . . . - Estes personagens trouxeram a mim um novo sentimento de viver. ... Ato nº 08 – ... Augusto...

LER CONTO

Presente de Aniversario Da Mamãe

O desejo da mamãe sempre foi chupar o cacete do filho e em seu aniversario ela teve a chance de ter ele todo em sua boquinha e buceta gulosa.

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Passando Bronzeador Na Coroa Casada

Coroa casada aproveitou que o novinho de 18 anos estava de pau duro e pediu a ele uma ajuda especial.

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Dando Umazinha Com Minha Filha

Filha danadinha querendo dinheiro do papai resolveu satisfazer ele com sua buceta para ter uma mesada altíssima esse mês.

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Festa de rodeio

O ano de 2011 estava um pouco diferente para minha pessoa. Estava solteiro e aproveitando a vida. Mais pais tinham cavalos da raça Quarto de Milha para competição, era um hobby divertido para eles,...

LER CONTO

A PANDEMIA – UMA NECESSIDADE DE RECLUSÃO – UMA TRANSA DELICIOSA – ESPOSA – CUNHADINHA E SOGRA

A PANDEMIA - - - UMA NECESSIDADE D RECLUSÃO. - - - UMA TRANSA DELICIOSA - - - ESPOSA - - - CUNHADINHA E SOGRA. ... Introdução e Personagens. - - - Carol - - - Kelly - - - Cristina. - - - Eu e...

LER CONTO

Minha primeira siririca foi uma delícia

Oi galera, beleza? Meu nome é Beatriz, tenho apenas 18 anos e vou relatar neste conto como foi a minha primeira siririca . Eu transo há muito tempo mas nunca tinha batido uma siririca, pois não...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 3 = ?
ContosAdultos.Club - O seu site de Contos Eróticos
Se você gosta de ler contos eróticos ou contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.
© 2023 - Contos adultos