website page counter
Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos adultos » Contos de incesto » O DIA EM QUE EU PERDI MINHA VIRGINDADE COM MINHA PRIMA

O DIA EM QUE EU PERDI MINHA VIRGINDADE COM MINHA PRIMA

Publicado em outubro 18, 2021 por Thalles Magno Araújo

Me chamo Thalles Magno, tenho 20 anos, sou bonito, não tão bonito kkk. Sou um pouco tímido e engraçado ao mesmo tempo.
Vou falar como eu e minha prima perdemos a virgindade.

Ela se chama Thaís, ela tem 21 anos, morena baixinha (1,56m altura), gostosa pra caralho.

Dia de domingo, ensolarado, horário de almoço, fui pra casa da minha vó, que é um terreno plano, todo mundo reunido (meu pai, minhas 3 tias, meu tio, só estava Thaís, e meus outros dois de primos), almoçando e tal.

Quando terminamos o almoço, ajudamos a guardar as coisas (pratos e talheres), minha prima, Thaís, me chamou para ir na casa dela assistir o filme Amar (um filme picante), sendo que ela tinha colocado esse filme, na Netflix.

Estava eu e ela, só nós dois assistindo o filme no sofá, tranquilo, ela se aproximou em mim e deitou no meu colo.
Antes disso, ela tinha tomado banho, colocou uma camiseta sexy sem sutiã e um short legging sem calcinha.

Durante o filme, ela começou a me acariciar, como primos.
Para não perder viagem, eu fiquei acariciando a nuca dela e a parte do pescoço.

Daqui à pouco, ela começou a descer devagarinho no meu pescoço, meus peitos, minha barriga e tal.
Aí, ela passou a mão dela no meu pau, que já estava duro.

Quando ela passou a mão dela no meu pau, se assustou e disse:

 

– Oh, desculpa primo! Não queria fazer isso.

Ela estava com vergonha.

Então, eu disse:

– Não, prima! Tranquilo! Tá tudo bem com você?

(Ela): Não tanto!
Mas, eu tô querendo fazer um negócio contigo.

(Eu): Pode falar!

(Ela): Posso ver o seu pau?

Eu fiquei impressionado com a pergunta, e falei:

Sério?

(Ela): Sério.

Ela já estava exitada.
E, então, eu falei:

Tá bom, pode ver!

Ela desabotoou a minha bermuda lentamente, depois tirou a minha cueca.

Quando ela tirou a minha cueca, e viu o meu pau, ela se assustou com a grossura.
Meu pau tem 17,5cm e é grosso.

Daí, ela perguntou:

(Ela): Nossa, primo! Que delícia!
É todo seu?

(Eu): Sim, prima! Gostou!?

(Ela): Mais do que isso. Eu amei!

Ela começou a alisar a ppk dela com uma mão, e a outra massageando o meu pau, gemendo gostoso.

Depois ela perguntou, mordendo os lábios:

(Ela): Que pau gostoso, primo!
Deixa eu chupar, deixa?
Fala que deixa, fala!

(Eu): Deixo você chupar à vontade.

(Ela): Tô doida pra fazer isso!

Ela se abaixou lentamente em direção a cabeça do meu pau, ficou brincando com a língua, e depois, começou a fazer o boquete delicioso no meu pau.

Então, ela me dando um boquete, eu falei:

(Eu): Que boca gostosa, hein prima!

(Ela): É pra você ver o que eu aprendi fazer.

(Eu): Safadinha! Eu gosto é disso!

Depois disso, ela terminou de fazer o boquete, e indagou:

– Gostou?! Rsrsrs.

(Eu): Amei essa boquinha gostosa!

Tirei a camiseta dela e comecei a chupar os peitinho durinho dela, gostoso. E ela falou:

(Ela): Posso falar uma coisa pra você, meu safado!?
Hum?

(Eu): Fale o que quiser, minha safadinha gostosa!

(Ela): Sua boquinha nos meus peitinho já tá me deixando molhada, sabia?

(Eu): Hummm, delícia!
Já tá molhadinha, tá?

(Ela): Já! Delícia!

(Eu): Então vamos pra cama, vamos!?
Quero te deixar louca!

(Ela): Me leva, meu safado!
Tô cheia de tesão pra te dar na cama!

Levei ela pra cama da minha tia, porque a cama de Thaís é pequena.

Coloquei ela na cama, tirei o short legging e falei:

(Eu): Nossa! Que ppk linda gostosa. Tá toda molhadinha!

(Ela): Aham!
Mete a sua língua aí dentro, mete, gostoso!

Quando eu coloquei a minha língua dentro da ppk dela, ela se tremeu toda cheia de tesão. E ela disse:

(Ela): Aiiiin, gostoso! Língua gostosa do caralho!

Continuou gemendo gostoso.

Com um tempo depois, chupando a ppk molhadinha dela, ela gozou gostoso na minha cara.

(Ela): Primo!

(Eu): Oi, safada gostosa.

(Ela): Acho que vou gozar!
Delícia!

(Eu): Vai gozar gostoso na minha cara, sua safada?

(Ela): Você quer na cara, quer?

(Eu): Quero muito!

Fiquei fazendo siririca nela com os meus dedos, e, ao mesmo tempo, chupando o grelo dela. E aí que ela gozou gostoso na minha cara.

Depois disso, foi a hora de meter.
Eu deitei na cama e ela veio por cima.
O sexo oral foi tão bom que ela não quis que eu usasse camisinha.

(Ela): Não, primo! Deixa a camisinha aí.
Quero sentir o seu pau na minha buceta.

Então, ela por cima, pegou o meu pau e colocou na ppk dela.
Ela desceu lentamente na cabeça do meu pau, e sentou gostoso, gemendo. Foi maravilhoso.

Fazemos as posições mais conhecidas: DE QUATRO, COWGIRL e outras mais.

Depois, na posição de QUATRO, ela me chamou e disse:

(Ela): Primo gostoso!
Vou gozar de novo! Delícia!

(Eu): É, safada!?

(Ela): Sim!
Vou querer gozar no seu pau agora!
Bem gostooosooo!

(Eu): Então goza, safada!
Molha o meu pau, molha!
Coloca mel no meu pirulito, coloca, delícia!

(Ela): Assim? Deixe jeitinho?

(Eu): Assim!

E ela gozou gostoso de novo.

Aí, ela levantou da cama, foi no banheiro urinar, fazer xixi, e eu fui mijar no banheiro da casa da minha outra tia que tinha um bundão GG, grande gostoso, que morava perto, porque minha prima tinha demorado no banheiro.

Fui lá na casa da minha outra tia nu, do bundão GG, meu tio e meu primo (o filho dela), não estava lá, tinha saído.

Coloquei minha bermuda e fui.
Bati no portão e chamei ela (minha tia):

(Eu): Tia! Posso entrar?

(Minha tia): Oi, Thalles!
Pode entrar, tá aberto?

Eu entrei na casa, e ela (minha tia) estava no fundo terminando de lavar os pratos.

Fui lá no fundo pra ver ela, e ela estava com um vestido curto, ela tinha terminado de tomar banho.

(Minha tia): Oi, Thalles!
Como está?

E me abraçou.
Quando ela me abraçou, ela percebeu que o meu pau estava duro.

(Eu): Tô bem, tia! E a senhora?

(Minha tia): Tô bem também! Levando a vida!

(Eu): Eu tô precisando do banheiro, quero mijar!

(Minha tia): Pode ir!
O banheiro tá desocupado!
Acabei de sair do banho!

E fui!

Eu terminei, abrir a porta do banheiro, e a chamei!

(Eu): Tia! Já terminei!
Cadê a senhora!

(Minha tia): Tô aqui no quatro, Thalles!

Fui no quarto onde ela estava, e a encontrei só de calcinha, sem sutiã.

(Eu): Opa, desculpa tia! Pode se trocar!

(Minha tia): Não, Thalles! Pode entrar!

(Eu): Sério?

(Minha tia): Pode entrar!

E entrei.

(Eu): Já terminei de mijar!
Tô indo, viu?

(Minha tia): Não, Thalles!
Fica aqui!
Tá fazendo o que de importante?

(Eu): Nada não!
Eu tô na casa de Thaís aqui!
Transando com ela!

(Minha tia): Ah!
Ela tá no quarto?

(Eu): Tá!

(Minha tia): Queria fazer uma rapidinha com você!
Vi que a sua pica tá dura!

(Eu): Sério?

(Minha tia): Sim!

Eu desabotoei a bermuda e mostrei o meu pau a ela.

(Minha tia): Nossa! A cabecinha tá toda grossa!
Gostoso!

Ela começou a chupar rapidinho (01min), e, depois disso, ela subiu na cama e ficou de quatro.

Enfiei o meu pau primeiro no cuzinho dela e depois na buceta rapidinho. Nem durou 05mim.

Terminamos, e, eu fui ver a minha prima. Me despedir da minha tia, antes eu dei uma chupada na buceta dela e rocei meu pau na buceta dela.

Fui na casa de minha prima Thaís, e ela estava no sofá me esperando pra eu gozar na boca dela e ela falou.

(Minha prima): Demorou porquê, meu safado?

(Eu): Minha tia fez uma rapidinha em mim.
Me deu de quatro!

(Minha prima): Foi bom?

(Eu): Foi maravilhoso!
E você! Tá preparada?
Quero gozar na sua cara!

(Ela): Sempre preparada!

Ela abriu as pernas bem gostoso e meti com força.
com um tempinho metendo gostoso nela, eu gozei.
Ela colocou a boca dela na cabeça do meu pau, e ficou chupando até eu gozar, e, gozei.

A história foi essa! Espero que tenha gostado dessa safadeza! Kkk…

Leia outros Contos de incesto bem excitantes abaixo:

Peguei meu ex com minha mãe...e no final sai toda arrobada

Incesto anal involuntário I

25509 views

Contos Eróticos relacionados

Minha Tia Angela

Sempre tive vontade de ver a minha tia Angela totalmente pelada, quando era pequeno já cheguei ver uns dos seus peitos enquanto ela tomava banho, foi nesse momento que comecei a vê-la com outros...

LER CONTO

Swing de mãezinhas II

Artur, um imenso negro de 1,90, se esbalda com os imensos seios de Catarina ladeando seu rosto e ao mesmo tempo ele suga, ora um ora outro, os mamilos da escultural mãe de Rudolfo, um de seus alunos....

LER CONTO

Enrabando Novinha ARROMBADA

Enrabando Novinha ARROMBADA

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Enrabando Novinha ARROMBADA

Enrabando Novinha ARROMBADA

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Anal Com Minha Enteada

Anal Com Minha Enteada

LER CONTO
  • Enviado por: Admin
  • ADS

Segunda chance

Crescemos em uma cidade interiorana. Dois pais, conservadores e carolas. Não há muito mais a dizer do que isso. Nós dois odiávamos. Meu irmão foi expulso de casa assim que completou 18 anos. Eu...

LER CONTO

MEU PAI ME FLAGROU NO MATO COM O JOÃO

Morando no interior, em um sítio onde meus pais tinham criação de coelhos e galinhas que vendiam para vários feirantes, muito nova (16 anos) passei a ir pro meio do mato com um empregado do meu...

LER CONTO

Sodomizada pelo amante da tia

Sacha estava com quatorze aninhos quando foi plenamente deflorada sexualmente. Ela era excepcionalmente bela pelo exotismo de sua alvíssima pele e sardenta, cabelos ruivos como cobre e cintilantes...

LER CONTO

1 - Comentário(s)

  • Pau Ko 18/10/2021 22:19

    Gozei muito boa história filho da puta

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 5 + 2 = ?
ContosAdultos.Club - O seu site de Contos Eróticos
Se você gosta de ler contos eróticos ou contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.
© 2024 - Contos adultos