Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos adultos » Contos de fetiche » Mãe do Meu amigo.

Mãe do Meu amigo.

Publicado em julho 9, 2020 por Escritor Safado

Hoje uma ideia veio a minha mente. Irei iniciar uma conta no xvideos, dividir minha experiências e momentos de prazer. A Iniciação desse projeto seria com um amigo, mas algo inesperado aconteceu. 

Após eu chegar na sua casa, sua mãe loira de seios fartos, me recepcionou com um pijama de seda curto. Me lembrou muito aquelas saias curta, mais com um leve corte entres as coxas. Assim que cheguei a cozinha,  ela perguntou:

Continua depois da publicidade

– Você quer beber alguma coisa ?

– Pode ser água. 

– Gelada?

Continua depois da publicidade

– Sim!

O jeito como ela inclinava seu corpo pegando lentamente a jarra d’água dentro da geladeira, começo a me excitar. Cheguei a pensar que era miragem o que eu estava vendo. Nao posso pensar essa coisas, ela é mãe do meu amigo. Então ela declina seu corpo por pisar em falso no chão, e derruba água sobre o pijama.

– Nossa como sou desajeitada!

– Fica parada, vou pegar esse pano.

– Posso passar ele em você?

– Pode sim.

Totalmente desajeitado fiquei, envergonhado passando junto com minhas mãos o pano no tórax dela. Nossa, que macia essa seda. Que gostoso… 

– Ei? Você está essitado?

– Hum? Com assim?

– Sua calça tá com volume ?

– Não acredito! Desculpa.

Na hora em que retirei a mão, ela puxou de volta e colocou em seus peitos.

– Pega forte.

– Como assim?

– Aperta meus seios. 

Apertei o máximo da minha força, ela segurou para que meu braço não soltasse. Depois disso pediu para segui-la. No meio do caminho percebi que passei por diversas portas no corredor, até que cheguei a última porta.

– Sr. Agatha, aqui não é seu quarto?

– Entra!

– Abra a janela.

– Por que ?

– Sentir a brisa passar por você.

– não entendi? 

– E agora, entendeu ?!

– Você tirou…o seu…

– Totalmente nua por você!

Sem reação, nem percebi a hora quando me lançou sobre a cama, ou como veio para em cima de min. Como todo homem não resisti. Virei ela para baixo de mim, comecei a beija-la bem forte. Tirei minha camiseta e baixei minhas calças. 

– Sra, pediu para eu sentir a brisa?!

– Entao Senti agora eu dentro de você!

– Nossa! Oque foi isso?

– Sua outra janela se abrindo,susurrei com voz de safado.

A sedução se torna algo Irreversível, quando o tesão é totalmente elevado. Nossos corpos pareciam música em sintonia, indo de um lado para o outro. Os suspiros intensificava a cada momento. Ela me virou de um jeito imprevisível, ao montar em cima de mim. Percebi o leve toque da Brisa e a luz do sol tocando seu rosto. Cavalgada gostosa, fazendo do meu corpo um pula-pula. Eu acompanhei, socando mais forte ainda segurando a bunda dela.

– Agatha vira de Costa?

– Para o lado de lá?

– Isso mesmo!

– Se eu soubesse tinha que ter pegado uma hora.

Ela entendeu a referência, há uma brincadeira que fiz com ela dias atrás. Então ela empolgou, sentando mais gostoso. Rebola , rebolando mais forte…- Me pega de quatro , safado…- Pego sim.

Segurei minha mão forte agarrando a cintura dela, tão forte que a nossa transa os vizinhos saberiam. 

– Nossa! Vou go…go…

– Vamos, vamos!

– Haa!

– Haa!

Não precisamos dizer o momento de gozar, nossos corpos sentiu e reagiu por natureza. Deitados na cama, olhando um para o outro e ali me veio a certeza, esses projeto irei começar sozinho.

25665 views

Contos relacionados

Relatando porque sou safado!!!

Olá meu apelido é Mister Safado, tenho 41 anos, sou moreno claro e tenho 1,79 de altura. Me rotulo safado porque desde que me conheço por gente que eu adoro tudo que é relacionado com sexo,...

LER CONTO

SANDWICH DE BUNDA. SALSICHAS DENTRO DO CU DE SELMA.

Aqui é novamente o amigo Daniel, o cara mais louco por bundas de mulheres gostosas. Vocês já tiveram a sorte de comer um sanduíche com sabor de dentro do ânus de uma gostosa? Se nunca fizeram,...

LER CONTO

Engravidei de meu sogro I

Enviado por: Helga Shagger Meu marido Hanz não tolerou a indiscrição de meu amante Ezequiel. Ele foi reclamar seu direito a criança de quem eu daria luz dentro de sete meses. Zeke era nosso...

LER CONTO

Adoro exibir as tetas

Adoro exibir, provocar as pessoas com minhas tetas.Na verdade sempre tive tesão em teta.Me considero mulher hétero porque nunca gostei de outra garota,não curto bct.Só curto mesmo um peitinho....

LER CONTO

Conhecendo a morena da minha vida

Olá a todos,eu sou a LU, este é o quarto conto do meu livro. Este conto é de quando eu ainda estava casada com meu primeiro marido,o José Carlos.Eu como não estava mais boba,um dia fui para Angra...

LER CONTO

Será que minha esposinha é uma puta? Parte 2

No meu último conto (será que minha esposinha é uma puta) eu contei como fiquei desconfiado que a minha mulher, que sempre achei ser uma santa, pode ser na verdade uma vadia fogosa, louca por uma...

LER CONTO

1 - Comentário(s)

  • Diogo 24/07/2020 03:52

    Sou louco para pegar uma casada ! vc mulher se estiver afim de um bom papo me chama zap mae e pai que ja fez incesto tambem nao viu critica so imagino ser uma loucura

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 2 = ?

Se você gosta de ler contos eróticos o contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.

© 2020 - Contos adultos