Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos adultos » Contos eróticos verídicos » Eu fui o presente de aniversario

Eu fui o presente de aniversario

Publicado em julho 26, 2019 por Eduardo

Meu nome é Yara tenho 20 anos, sou morena, baixinha, cabelos lisos médios, seios médios durinhos , bunduda e  com coxas grossas. Namoro o Eduardo de 26 anos a cerca de 6 meses ele é moreno 1.70, abdômen bem definido, em resumo ele tem um corpo escultural que me deixa babando. Após esse tempo de namoro e de tanto me atiçar com beijos provocantes, mãos bobas e carinhos em regiões muito sensíveis; decidi me entregar por inteiro para ele. Então no dia do aniversário dele decidi encontrá-lo em sua casa (pois mora sozinho),caprichei no banho, me depilei, me perfumei e fui encontrá-lo com a desculpa de lhe entregar o seu presente de aniversário, mal sabendo ele que esse presente seria EU rsrsrsrsrs. Cheguei a sua casa por volta das 14h30m da tarde de um sábado, já estava a minha espera gostoso e cheiroso como sempre. Entrei conversamos um pouco e começamos a nos beijar incialmente um beijo tranquilo e inocente que foi evoluindo para um beijo sedento de sede e cheio de paixão. Ele me beijava segurando minha nuca e com a outra mãos apertava minha cintura, mordia meus lábios, beijava meu pescoço, lambia minha orelha e eu retribuía cada um dos teus carinhos. Desceu a mão até minha buceta e passou a massagea-la aumentando o ritmo aos poucos eu já estava totalmente entregue a ele, não aguentaria muito tempo mais sem tê-lo dentro de mim. Sem aguentar mais tirei sua camisa e ele me puxou para o seu colo, arrancou minha blusa e tirou meu sutiã. Enquanto rebolava em seu colo sentindo toda sua ereção em baixo de mim ele abocanhava meu peito um e depois o outro, chupava-os com muita intensidade enquanto eu gemia no seu ouvido e ficava totalmente ofegante.

Não demorou muito e ele me pegou no colo, me levou para o quarto e me jogou delicadamente em sua cama, foi quando eu perguntei:

Eu: Você tem preservativo?

Ele: Não, não estava esperando por isso. É isso mesmo o que você quer?

Eu: Sim, eu te espero comprar, esse é o presente que quero lhe dar.

Ele: Que presente, maravilhoso. Não demoro.

Em menos de 5 minutos ele voltou com os preservativos, deitou por cima de mim e passou a me beijar começando pela boca, descendo para o pescoço, barriga, até encontrar minha calça, onde a tirou delicadamente, beijou minha buceta por entre a calcinha e em seguida a arrancou, levantou e tirou seu short ficando só de cueca, tudo isso sem tirar os olhos dos meus, era um olhar que me queimava por dentro e eu podia sentir todo seu desejo e paixão por entre eles. Voltou para a cama encostou seus lábio bem lentamente sobre minha buceta e passou a lamber ela bem delicadamente, isso fez eu me contorcer de desejo, segurei em seus cabelos a cada lambida que dava olhava pra mim com a cara mais sacana do mundo eu já estava impaciente querendo sua boca totalmente mergulhada em mim, ele entendeu o recado e passou a chupa-la com muita dedicação, lambia minha buceta por inteiro, foi a melhor sensação que senti na minha vida, gemi muito sentido profundamente cada movimento da sua língua em mim.

Já estava pronta pra receber toda sua se ereção quando parou pra colocar o preservativo, ele tinha um pau maravilhoso já conhecia pois já tinha chupado ele várias vezes, era um pau grosso, grande e bem cabeçudo, confesso que tive medo da dor, mas não desisti. Subiu em cima de mim, me beijou e olhando nos meus olhos novamente perguntou se eu queria continuar, assento que sim com a cabeça, ele foi me preenchendo lentamente e uma dor gradativamente foi tomando conta de mim, cravei as unhas em suas costas com a intenção de extravasar um pouco essa dor, quando entrou tudo eu pedi para parar um pouco enquanto me acostumava com o pau dele enterrado inteiramente em minha buceta, ele gentilmente esperou eu dizer que ele podia continuar enquanto isso me beijava loucamente, continuamos a penetração aumentando o ritmo a cada estocada, já não doía tanto e eu já conseguia sentir prazer, continuamos o vai vem, sentindo cada centímetro dele entrar e sair de mim a cada vez, isso sem parar de me beijar nem por um instante, até que gozou urrando de prazer e deitando seu corpo suado sobre o meu, perguntou se eu estava muito dolorida, disse que não, então me fez gozar massageando meu clitóris, enquanto me beijava e chupava meus peitos. Foi tudo muito intenso e incrível, foi tão bom que esse ano fez 10 anos que estamos juntos e o sexo segue melhorando cada dia mais.  Pode deixar pretendo continuar alias são 10 anos mas gostaria de saber se estão gostando

9212 views

Contos relacionados

Dando pro coroa do Tinder

De: Elisa DANDO PRO COROA DO TINDER Sou Elisa ( nome fictício) Tenho 16 anos, cabelo preto ondulado, olhos pretos, alta, 70kg, seios pequenos. Sou totalmente fora dos padrões (não gosto de...

LER CONTO

Antes de tudo parte 2

Continuando... Como eu estava disposto de ter aquela morena maravilhosa por completo não desistir nenhum momento mesmo assim minhas investidas não deram êxito ou eu achava isso pelo menos para...

LER CONTO

A Cuidadora de Idosos.

Meu nome é Antônio Henriques, tenho 40 anos, carioca, militar e a estória que irei relatar ocorreu em 2010 conforme a seguir: Houve um período em que minha avó necessitava de cuidados...

LER CONTO

Transei com um novinho e me arrependi

Enviado por: Raissa Ok, o primeiro parágrafo geralmente é de apresentações, então vamos lá. Meu nome fictício é Raissa [porque não sou nem doida de dar meu nome real, de resto é tudo...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 4 = ?

Se você gosta de ler contos eróticos o contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.

© 2020 - Contos adultos