Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Contos adultos » Contos eróticos de corno » DAR NÃO DEI, MAS CHUPAR EU CHUPEI

DAR NÃO DEI, MAS CHUPAR EU CHUPEI

Publicado em junho 10, 2020 por Roberto Filho

DAR NÃO DEI. MAS  CHUPAR,  CHUPEI.

Continua depois da publicidade

Mês de maio inteiro lembrei do Filosofo Contemporâneo XEXEU K.C. TÃO. Apenas modifiquei acrescentando sem fugir do conteúdo.  “Mulher que levar a 2ª pica, sem outras, não fica!” – Administramos da melhor maneira possível face o COVID-19, e a Mary foi bem fodida, comeu uns belos cacetes e chupou e foi chupada por gostosas mulheres. Conseguimos    buceta para bucetear com a Mary e grandes e grossos caralhos que meteram na buceta e no cu dela, sem falar que chupou e mamou muito. Foram momentos deliciosos:  da Mary em estar levando pau, do macho por estar metendo com uma 40 tona muito puta, e do marido corno manso   por estar sempre presente. No Supermercado conhecemos um pauzudo. Grisalho, 58 anos, moreno claro, olhos escuros, bem fisicamente, educado. Pauzudo devido o volume acentuado literalmente visível. Nos acompanhou na maior parte do tempo em que fizemos as compras. A conversa fluía naturalmente e nos contou que sua esposa estava no apartamento com um compromisso pessoal, e que ele veio para as compras e ficou muito satisfeito, pois nos conheceu, em especial a minha esposa/puta que se vestia muito provocante. Nos despedimos, ele passou para a Mary o   número de seu telefone dizendo que aguardaria um contato. Em casa conversamos sobre o macho recém conhecido e a Mary deu sinal verde para foder com ele, já que pelo visual e o tipo em si, poderia ser uma das ótimas fodas. Mary faz a ligação e 40 minutos depois, o Gaúcho de Santa Maria -RS, chegava. Mary o recebeu com beijinhos, abraços e já umas rápidas esfregações. Foi o suficiente para que o          cacetucho se manifestasse. Ficou duro. Mary o convidou a se sentar no sofá e rolou um papo bastante sacana. Minha esposa/puta, como sempre fazia, veio vestida com um vestidinho solto de alça, sem calcinha e sem proteção para os seios (tetas). Safadamente, Mary levantou e foi arrumar as almofadas da poltrona na frente, deixou aparecer sua bunda deliciosa muito bem marcada pelo bronze. O Gaúcho não se fez de acanhado e se deliciou com o visual. Alisando o próprio pau disse olhando para mim: “Que potranca sua mulher!” O amigo gostou? –  Muito! Meu tesão é grande e quero foder com ela! – Sim sem dúvidas!  Mari volta do quarto e entra na conversa. “Senta-se no colo do BAGUAL e aos beijos lhe diz: “Queres me comer?” É? Hummm!!!  E eu quero dar tudo para você! Vamos?  – Gigante o beijo antes de se dirigirem para a alcova. Muitas caricias de ambos, sem tirar a roupa da Mary, o macho ajeita a minha esposa de modo que ela fica apoiada comas mãos na cama, pernas abertas e o cuzinho bem como a buceta disponível. Vejo o macho tirando a bermuda e balança um pau enorme. Que coisa! Como as casadas que fodem com outros machos tem sorte. Estão sempre pegando pauzudos. O pau hora em questão, é robusto, bem encorpado, cabeça rosada tipo chepeleta e o restante, veias salientes, reto e chumaço de pentelhos. Ainda de vestido, Mary começa a receber o “cacetucho” quer dizer: PAU DE GAUCHO. Me aproximo, fico ao lado do macho, me agacho e bem ali, a um palmo do meu nariz, o lindo caralho Sulino vai penetrando a buceta da ex-recatada senhora, hoje das putas completa, minha esposa. Aproximadamente 3cm e tudo estará dentro. Suavemente o macho estoca curto, Mary faz um vai e vem também suave. O casal fode maravilhosamente!  Coisa linda de se ver, um macho muito bem-dotado a encher a buceta da esposa. O Gaúcho mete controladamente, e Mary faz o mesmo. “Muito gostosa sua buceta querida!” Logo vou enche-la de porra.  –  Sim querido!  Faz! Encha ela, quero sentir teu pau uiii   despejandoooo aiiiiiiii   fode….  mais…. hummmmmm uiiiiiiiiiii   gostosoooo   ui ui ……….Ao dizer essas palavras, Mary da o sinal de que muito breve vai gozar.  Não cronometrei, mas foderam uns 15 18 minutos.  Ele competente e ela uma deliciosa recebedora de cacete   grande, grosso   e gostoso. Hummmm   eu   vou queridaaaa…vamos….  goza no meu pauuuuu   hummmm hummm hãmmmm    os dois estavam a foder dignos de elogios. Gente!  O macho sulista   ainda levou alguns minutos fodendo enquanto gozava.  Mary gemia, falava, fodia aquele cacete moreno.  O belo pau não chegou a amolecer total, estava em condições de continuar, e Mary aos beijos foi deitando o macho, já se o vestido, fica com um pé de cada lado do corpo moreno do fodedor, e começa a descer. Se aproxima e com uma das mãos tenta segurar o mastro para entra no seu cuzinho. Fui ajudar, e segurei o cacete no meio com a cabeça encostando no orifício tão desejado pelos machos. Vejo o   cu da minha esposa estufar…. a cabeça do caralho sumiu, Mary delicadamente e para melhor sentir o mastro do sul, desce centímetro por centímetro. Quase tudo…  fico na torcida para a Mary fazer o pau sumir no seu cu. E fez!  Sentou-se total. Chegou aos pentelhos com o caralhão atolado. O macho começa meter de baixo para cima. Estão sincronizados que quando o pau da uma saída, logo vem a Mary e se senta cavalgando. Aumentam o movimento e o pau da uma saída total. Não está bem aprumado e fica aos arredores do cu…  chegou para novamente ajudar, e coloco o baita cacete na entrada, no mesmo instante em que minha esposa se senta, o Macho empurra e….. entrou tudo…tudo gente!  Minha esposa está levando, pau de macho no cu….  que maravilhaaa! Via de regra, a segunda é pouco mais demorada. Eles continuam a meter. Mary leva o tanto que deseja no momento. Ela sobre, desce até o meio, volta para a cabeça desce até o talo sobe e o macho empurra de baixo para cima.  Caramba! Que delícia de foda!  Principalmente porque a mulher que está levando é   minha esposa! Cornooooo!!!!   Vou gozar queridoooo!   Goza, goza gostoso minha esposa querida!  Humm   também vouuu   hãmmm     uiiii ai ai   aiiii meu cu uiiiiii que gostosoooo     e   o casal goza…. muito….  ficam mais um pouco assim, pau dentro do cu dela… e então vão se ajeitar. Mary vai ao banheiro, e o Gaúcho, pau ainda mais duro que mole, me fala:  Delícia de esposa! Você é um belo corno meu rapaz!  E dá uma punhetada no cacete. Olho e ficou olhando, e olho e uma vontade de pegar toma conta de mim.  O macho sentiu isso e autoriza:  quer pegar?  Pega!!!  Quente, úmido pela porra, arregaço e vou punhetando.  Fica mais duro…gente!  o cara é foda!  Está duro de novo!  Dou uma punhetada caprichada. Ele geme.  Ele assimila estar fodendo…. eu punhetando   com a outra mão pego as bolas, e vejo a cabeça do caralho a me olhar….  entendi…  chego mais um pouco… e sem frescuras… abocanho o mastro sulino. Me esforço para meter tudo na boca, tamanha a minha vontade e chupar aquele pau, o macho empurra um pouquinho e eu chupo, mamo, punheto e vou me deliciando no belo e gostoso pau alí a minha disposição.  Chupaaa   cornoooo      vou gozar….     Chupei com vontade. chupei e aceitei…veio líquido…mamei e engoli…  não era muita porra afinal a terceira do BAGUAL, mas me satisfez.  Gozou….gostoso…eu senti isso!  Chega a Mary ao meu lado na cama, me beija e me diz: Vi tudo   corno!  Estava na porta olhando.  Tenho orgulho de você! Chupe sempre que quiser querido…. mas sempre depois de meter na minha buceta ou no meu cu, tá?    Beijei minha esposa dei um sorriso   e fui ao banheiro. Sou corno, chupo pau dos machos. Não saio a procura de cacetes. Mas em nossa casa, se o macho topar e a maioria topa, eu chupo, mamo e ……..não! ainda não dei!  ……..

2528 views

Contos relacionados

Como iniciei minha vida hotwife

Olá! Meu nome é cintya, sou uma hotwife bbw! Vou contar como comecei nessa vida que eu amo! Tenho 48anos sou loira plus size, 88kg 1,68 altura, coxas grossas e bumbum e seios bem avantajados. Sou...

LER CONTO

PRIVILÉGIOS DE UM CORNO MANSO

PRIVILÉGIOS DE UM CORNO MANSO. - Corno! Vem! Abra a bundinha dela e coloca a cabeça do meu pau na entrada do cuzinho dessa puta! Mary se ajeita novamente, abre mais as pernas, mantém a bunda...

LER CONTO

Meu corninho adora ver um negão me fodendo

Meu nome é Bianca, tenho 29 anos, moro no Rio de Janeiro e meu corninho adora ver um negão me fodendo de maneira bem gostosa. O corninho que eu me refiro é meu marido e neste conto vou contar...

LER CONTO

Trai meu marido com seu amigo

Olá, me chamo Carol (nome fictício), tenho 25 anos, sou bem branquinha, 1,55 metros, magrinha peitos pequenos e uma bunda média bem arrebitada. Estou casada a três anos amo meu marido, mas tenho...

LER CONTO

Dia que Comi a Namorada Do Vizinho

Hoje vou falar de Amanda, trabalhava com namorado na loja ao lado da minha, loira altura média, e uma bunda e peitos que me deixava sempre de pau duro. Ela e o namorado trabalhavam juntos, porém na...

LER CONTO

Esposa Dopada

Esposa dopada Sou novo no Site de Contos Eróticos, e vou contar a vocês como minha esposa (Rafaela) é; ela tem 1,70 bem alta com seus 65 kg, seios médios mais umas Pernas roliças e grossas coisa...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 5 + 2 = ?

Se você gosta de ler contos eróticos o contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.

© 2020 - Contos adultos