website page counter
Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]

A Cartomante

Publicado em janeiro 6, 2023 por Azev

O mês de novembro passou voando e foram tantas coisas que se passaram: meu grupo de amigos que eram Amanda, Betinho e eu ganhou mais um membro Wendel, mesmo sendo de uma série diferente da nossa mas tava ali convivendo com a gente. Wendel mudou radicalmente passou a se vestir melhor, graças aos conselhos de Amanda ela era uma apaixonada por moda e sabia dar altas dicas de como se vestir bem e pagar pouco e ele aproveitou muito as dicas. Alem dele ter perdido quase 10 kilos graças as nossas caminhadas todos os dias na praça do meu bairro. Fora os conselhos de Betinho que tornaram o tímido e introvertido Wendel em um cara descontraído e um dos garotos mais cobiçados da escola pelas garotas. Com todo esse sucesso com as garotas nunca mais a gente nem falou sobre aquela noite no motel, fora que as coisas não estavam fáceis para Carlos e minha mãe: ela desconfiava que Carlos tivesse outra mulher pois ele já não a procurava na cama e isso os faziam ter brigas horríveis, as vezes me sentia mal por eles estarem brigando mais Carlos sempre me consolava:
– Não fica assim. Você não tem culpa de nada!

Ele sempre falava isso me fazendo um afago na cabeça ou me abraçando mas,

no fundo sabia que a culpa era minha! uma parte de mim o odiava essa situação de enganar minha mãe, de estar traindo ela com meu padrasto…

Mas outra parte de mim estava amando ter Carlos, nem que fosse por uma noite por mês ele era só meu!

Resolvi pedir ajuda a Amanda para ir a uma cartomante, a consulta foi bem reveladora e a cartomante me deu direito três perguntas uma sobre o passado, uma sobre o presente e uma sobre o futuro.

Perguntei sobre Jean meu grande amor, e ela respondeu que eu não o veria por muito tempo e que ele estava muito longe de mim;

Isso me deixou triste e ela continuou:

– Você vai se apaixonar em breve vejo um rapaz no seu caminho!

– Sério!? Respondi meio surpreso estava louco para saber se era alguém que eu conhecia e ela pegou e levantou a carta do futuro e falou:

– Esse rapaz vai brigar com um homem por você.

E saí da cartomante bem confuso, mas otimista, afinal um rapaz no meu caminho e ainda corajoso de entrar em uma briga por mim nossa era demais.

Então no dia seguinte uma colega da turma ia fazer seus 16 anos e chamou metade da escola para uma festa na sua casa, o nome dela era Carol e a festa seria a festa do ano!!! ela era uma garota bem popular no colégio, além de ser muito bonita.

Estava me arrumando quando Betinho me ligou:

– Silas preciso muito falar com você hoje!

– O que foi?

– Preciso muito de você!

– Você vai na festa da Carol?

– Vou bem rápido, assim que cantar os parabens, vou pra casa!

– Não você tem que ficar até o final e sério!

– Tá bem eu fico! Preciso desligar vou me aprontar tchau

– Ate daqui a pouco tchau!

E fiquei pensando: o que ele quer comigo? então veio a voz da cartomante na minha cabeça: “Será que é ele o Rapaz?”. Não era possível eu conhecia ele desde a terceira série, em cada momento feliz e triste da minha vida, ele estava ali ao meu lado o tempo inteiro…

Tomei banho e me vesti correndo e Carlos notou minha empolgação para ir a festa e falou:

– Tá bonito, elegante vai ser a sensação da festa!!! Tô com ciúmes!!!

– Deixa de ser besta! É só uma festa vou voltar até cedo! (mentira é claro!)

Ele foi abaixar a minha gola da camisa social e roçou seu pau em mim e falou bem baixinho:

– No nosso passeio na semana que vem usa essa camisa!!!

Eu dei uma risadinha e falei

– Vou pensar! se não tiver nada melhor na minha agenda talvez eu use.

– Metido! Ele me beijou ali mesmo tentei sair dos seus braços com medo que alguém nos visse e ele falou:

– Sua mãe foi a igreja com seu irmão!

– Então por que a gente não antecipa pra hoje? E coloquei a mão no seu membro agora já duro e pulsando ali mesmo. Então nos beijamos ele me levantou com seus braços, enquanto minhas pernas se enroscavam na sua cintura e ele me levava até a minha cama, ele tirou minha camisa eu baixei o short dele seu pau já tava ali babando de tanta excitação comecei a chupar ele ali sentado na minha cama entre os pôsteres de filmes do meu quarto já haviam sido testemunhas de tantas masturbações minhas e hoje me assistiriam em ação com um macho de verdade.

Comecei lambendo a cabecinha do pau enquanto ele me olhava fazendo uma cara de tesão que eu tava adorando ver. Então passei a engolir quase todo o seu pau mas, infelizmente nunca conseguia engolir tudo tanto pelo tamanho como pela grossura. Mas isso nao diminuía o tesão dele, que gemia baixinho:

– Me chupa seu putinho safado!

E minha boca foi explorando cada milímetro daquele membro que tava bem cheiroso pois ele tinha tomado banho a pouco tempo então ele me virou e me colocou de quatro mais aí falei:

– Não! Eu quero diferente!

– O que é que você quer?

– Quero Romance! Pelo menos uma vez.

Ele sorriu e falou:

– Só dessa vez tá! Não se acostuma!

Ele me beijou com seus lábios quentes sentia o sabor do seu beijo, a sua barba áspera roçando no meu rosto ele me deitou na cama abriu minhas pernas e colocou elas no seus ombros e começou a me penetar e quando fui gemer ele abafou meus gemidos com um beijo. Quando seu pênis estava completamente dentro de mim ele ficou ali parado até eu me acostumar com a penetração. Então ele começou aquele gingado com o seu quadril em um vai e vem bem devagar enquanto eu olhava ele nos olhos e me deliciava com aquela rola dentro de mim e minhas mãos seguravam suas nádegas que comecei a alisar elas sentido as primeiras gotas de suor que já escorriam das suas costas dele. Ele sorriu e falou:

– Tá gostando de ser a minha mulherzinha?

– Tô!!! Pode botar com força!!

– Hoje vou com calma! para você aproveitar!

– Então me arromba meu macho!!!

Ele aumentou só um pouco o ritmo da penetração e eu sentia que meu rabo já estava bem acostumado com o membro de Carlos e pedi:

– Rebola pra mim gostoso!

E ele rebolava e continuou a me penetrar em um ritmo só da gente: estocadas mais leves e uma bem forte e profunda me fazendo gemer alto:

– Geme minha mulherzinha! Quero ouvir você gemendo!

– Ahhh!!! Vai meu macho!!!

Então ele começou a acelerar e a respirar mais ofegante e a penetrar mais fundo e Carlos falou:

– Você quer leitinho aonde?

Segurei suas nádegas e falei:

– Quero tudo dentro de mim!

– Então lá vai…

Ele acelerou em um ritmo frenético na penetração e as gotículas de suor do seu rosto e corpo começaram cair em cima de mim e estávamos ali gemendo alto sem o menor pudor então senti uma estocada mais forte e seu pau pulsando dentro de mim: finalmente ele tava gozando conseguia sentir os espasmos de prazer percorrendo os nossos corpos e nos beijamos e ficamos ali naquele momento só nosso onde nada mais era tão importante que o nosso prazer total e pleno.

Carlos saiu de cima de mim e foi até o banheiro tomar um banho então entrei no chuveiro com ele pois já estava atrasado para a festa de Carol e minha mãe chegaria em breve e falei para ele:

– Carlos preciso falar sério com você amanhã!

– O que foi?

– Hoje talvez aconteça algo importante pra mim.

– O que é?

– Talvez alguém se declare pra mim e me peça em namoro!

– Que bom que você e Amanda vão sair do zero à zero!

– Não é a Amanda! E o Betinho!

Senti seu olhar de raiva, carregado de ira ele não conseguia esconder sua indignação ele deu um murro na parede do chuveiro:

– Porra!!!! Você tá pensando que eu sou o que ein? Um palhaço, um Otário, um idiota faz o que você quiser da tua vida! Mas não vai se livrar de mim assim não!

Ele me segurou pelo pescoço e continuou:

– Você é meu!!! quer namorar? Pode namorar com quem quiser! Seja homem ou mulher! PRA MIM TANTO FAZ!!! mas você é minha PUTA!!!!

Leia outros Contos eróticos gay bem excitantes abaixo:

Queloucura

VERDADES SECRETAS (INICIO) 02

2917 views

Contos Eróticos relacionados

Queloucura

Que loucura. Vou contar uma belíssima loucura, a qual fui o protagonista. Estava eu passeando em uma trilha quase deserta, digo quase, por que esporadicamente passa alguém por ela e nela...

LER CONTO

Minha primeira vez com um Homem

Tenho 23 anos e isso aconteceu esse ano, sempre gostei de experimentar coisas novas, quando era criança já fiz troca troca com meu primo mas nunca considerei por ser muito novo na época e não...

LER CONTO

O Começo de Tudo – Parte I

  Hoje eu sou um senhor aposentado, de bem com a vida, bem-sucedido profissionalmente, que sempre teve bons empregos, dada à minha formação educacional e profissional, o que me possibilitou...

LER CONTO

Havia uma Bunda no caminho.

Havia uma Bunda no caminho. Havia uma Bunda no caminho e no caminho havia uma Bunda e essa Bunda era a minha Bunda, toda depilada e bem sexi, prontinha para receber um belo e gostoso pau. Isso...

LER CONTO

1 - Comentário(s)

  • Azev 07/01/2023 16:58

    Hoje 7 de Janeiro de 2023 é o dia do Leitor então: um feliz dia do leitor a todos os leitores do site contos adultos.club!!!

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 4 = ?
ContosAdultos.Club - O seu site de Contos Eróticos
Se você gosta de ler contos eróticos ou contos adultos é o site perfeito para você. Aqui você vai ler contos sexuais reais, e o melhor de tudo é que o site é atualizado diariamente.
© 2023 - Contos adultos